Siga-nos
Pranay Dutt

UFC

Sincero! Whittaker define luta com Adesanya como “casamento terrível”

Robert Whittaker acredita piamente que é o peso-médio (84 kg) mais perigoso do mundo, conforme o próprio se intitulou nas últimas semanas. No entanto, apesar da confiança em si, o australiano admite que um rival significa um pesadelo no que diz respeito ao casamento de estilos dentro do octógono. Para azar de ‘The Reaper’, esse adversário é justamente o atual campeão do UFC, Israel Adesanya.

Durante participação no programa ‘MMA on Sirius XM’, Whittaker definiu um confronto diante do nigeriano como uma “luta muito chata de se passar”. A declaração do australiano se justifica em números. Em suas últimas 15 aparições no octógono, Robert venceu 13 lutas e perdeu apenas duas. Ambos resultados negativos foram justamente contra Adesanya, em combates que valiam o cinturão até 84 kg do Ultimate.

“Concordo 100% com isso (que sou o melhor até 84 kg). Por isso sempre menciono toda vez que tenho um microfone em minha frente, que sou o peso-médio mais perigoso do mundo. O Smith (apresentador) acertou em cheio, ele (Adesanya) é um casamento de estilo terrível para mim, eu odeio essa luta. É irritante, uma luta muito chata de se passar. Mas acredito piamente que sou o melhor peso-médio do mundo”, analisou Robert.

Atual número 1 do ranking da categoria no Ultimate, Whittaker vem de vitória dominante sobre Marvin Vettori, no UFC Paris, no início de setembro. Em uma espécie de ‘limbo’ com o confronto  agendado pelo título dos pesos-médios entre Adesanya e Alex ‘Poatan’, o australiano provavelmente terá de somar outro triunfo antes de garantir um novo ‘title shot’. Paulo ‘Borrachinha’, que conta com apenas mais um duelo em seu atual contrato, já demonstrou interesse público em medir forças com The Reaper.

Mais em UFC