Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Dariush detona possível ‘furada de fila’ de Chandler pelo título: “Seria uma piada”

Vindo de sete vitórias consecutivas, Beneil Dariush mira uma eventual disputa de título após sua luta diante de Mateusz Gamrot, no UFC 280. Mas, mesmo em caso de triunfo contra o rival polonês, o peso-leve (70 kg) teme por uma ‘furada de fila’ na corrida pelo cinturão da categoria. O duelo que, na teoria, também pode postular o vencedor na posição de desafiante é entre Michael Chandler e Dustin Poirier.

Do ponto de vista do ranking, Dariush, que ocupa a sexta colocação, está atrás tanto de Michael quanto de Poirier – que ocupam, respectivamente, a quinta e segunda posições na listagem. A seu favor, entretanto, o atleta da ‘Kings MMA’ tem o fator ineditismo, uma vez que nunca recebeu o ‘title shot’, ao contrário dos rivais diretos na briga. 

Apesar dos pontos favoráveis e desfavoráveis, Beneil parece confiante que é, de fato, o próximo na fila para competir pelo cinturão. O americano afirmou, inclusive, que, caso Chandler, que vem fazendo campanha por novo ‘title shot’, eventualmente, ‘fure sua fila’, seria uma “piada” por parte do UFC.

“Honestamente, acho que ele (Chandler) só está querendo criar um hype para si (ao pedir por novo title shot). Não acredito que seja a realidade, mas se acontecer, cara, eu irei – seria um show de palhaço. O cara acabou de ter o title shot perdido e depois perdeu novamente. Não faz sentido. Depois que eu derrotar o Gamrot, não acho que haja ninguém que possa passar na minha frente. Veremos. Seria uma piada se ele (Chandler) ganhasse o title shot”, opinou Beneil, antes de apostar no favorito para o duelo entre ‘Iron’ e Dustin.

“Acho que ele poderia estar invicto (no UFC) agora se ele tivesse uma mentalidade melhor. Ele foca tanto em trazer entretenimento e ser empolgante, que perdeu duas lutas. Por isso, estou mais inclinado para o Dustin (vencer)”, completou, em entrevista ao canal ‘Helen Yee Sports’.

Beneil Dariush retorna ao octógono no UFC 280, no dia 22 de outubro, em Abu Dhabi – mesmo card em que Charles ‘Do Bronx’ e Islam Makhachev medem forças pelo título da categoria. Dustin e Chandler, por sua vez, entram em ação três semanas depois, no dia 12 de novembro, no card de número 281 do Ultimate, com sede em Nova York (EUA).

Mais em UFC