Siga-nos

Notícias

Marvin Vettori ‘desiste’ de desafio a ‘Borrachinha ‘e clama por cinturão do UFC

Passada a rivalidade entre Israel Adesanya e Paulo ‘Borrachinha’, agora o campeão do peso-médio (84 kg) virou alvo de outro lutador e ele é um velho conhecido seu. Após vencer Jack Hermansson, integrante do top-5 da categoria, por decisão unânime, no UFC Vegas 16, evento realizado no sábado (5), Marvin Vettori elevou sua posição e se aproximou de um acerto de contas com o rival que o derrotou em 2018.

Na coletiva de imprensa realizada após a atração, Vettori, que havia desafiado o brasileiro logo após o anúncio de sua vitória, pareceu voltar atrás alegando o fato dele ter sido derrotado de forma dominante por Adesanya. O italiano ressaltou que, para coroar sua boa atuação, o mais justo seria receber a chance de lutar pelo cinturão da divisão. Não satisfeito em apenas desafiar o nigeriano, o atleta voltou a criticá-lo por demonstrar interesse em subir para o meio-pesado (93 kg) e defendeu a posição de Glover Teixeira como desafiante da categoria.

“Antes, desafiei ‘Borrachinha’, mas, para ser honesto com você, ‘Borrachinha’ que se f****. Ele acabou de perder de forma pesada. Por que eu iria lutar com ele? Quero ir direto para o cinturão! Israel fala muito. Ele estava tipo, ‘Oh, acho que nunca verei Marvin novamente, ele nunca vai chegar ao cinturão’. Bem, adivinhe o que aconteceu? Estou aqui! Ele acha que tem tudo planejado, mas não tem nada. Conheço suas verdadeiras cores. O encontrei algumas vezes, lutei com ele e quero essa revanche. Glover Teixeira merece lutar pelo cinturão. Ele é quem deveria lutar pelo título dos meio-pesados”, ressaltou Vettori.

A vitória de Vettori diante de Hermansson foi a mais importante da carreira do lutador, que se apega ao bom desempenho para justificar seu pedido. Além disso, o italiano revelou que gosta da ideia de enfrentar ‘Borrachinha’, mas, ao analisar o atual momento vivido pelos médios, afirmou não ter adversários na parte de cima da divisão.

“Serei sincero, gosto da luta, mas sinto que não há oposição real entre os cinco primeiros. (Jared) Cannonier acabou de perder, Darren Till, não sei, não acho que ele esteja entre os cinco primeiros, ‘Borrachinha’ perdeu brutalmente e Jack era o número quatro. (Robert) Whittaker quer apenas curtir o Natal com os filhos e não o culpo, mas, simplesmente, não parece querer lutar pelo título”, finalizou.

Atualmente, Marvin Vettori, de 27 anos, vive sua melhor fase no UFC. O italiano venceu quatro lutas seguidas, faturou os bônus de luta e performance da noite em suas duas últimas aparições e, até o momento, foi o único que conseguiu arrastar o invicto Israel Adesanya para uma decisão dividida.

Mais em Notícias