Siga-nos
exclusivo!
Diego Ribas/PxImages

Entrevistas

‘Sergipano’ celebra oportunidade de enfrentar ‘Jacaré’ no UFC 262: “É um sonho”

Com duas vitórias no seu primeiro par de apresentações pelo Ultimate, André ‘Sergipano’ Muniz estará diante do maior desafio de sua carreira no próximo dia 15 de maio. Escalado para encarar o compatriota Ronaldo ‘Jacaré’ no card do UFC 262, que acontece na cidade de Houston (EUA), o peso-médio (84 kg) – que apesar do apelido nasceu em Minas Gerais – terá pela frente um adversário que durante anos esteve entre os principais nomes da categoria na organização.

Um dos lutadores que melhor fizeram a transição do jiu-jitsu para o MMA, ‘Jacaré’ já não vive o auge da carreira, mas ainda desperta respeito e admiração por parte de André Muniz. Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag Fight, o mineiro exaltou a oportunidade de encarar a “lenda” da arte suave, modalidade na qual também é especialista, como provam as 13 vitórias por finalização em seu cartel profissional.

Ciente que uma vitória sobre ‘Jacaré’ pode alavancar de vez sua carreira no UFC e, ao mesmo tempo, tornar a situação do compatriota ainda mais delicada na entidade, ‘Sergipano’ promete deixar para depois da luta a torcida pela recuperação do faixa-preta. Com três derrotas seguidas e já com a idade avançada, o capixaba corre risco de ser cortado pelo Ultimate em caso de novo revés.

“Ainda é um sonho estar no UFC e lutar contra esses caras. Mas estou muito bem preparado para essa oportunidade. A oportunidade de lutar com uma lenda do jiu-jitsu é ótima. Você só escreve uma grande história no UFC lutando contra os melhores. Os fãs podem esperar um show. Tanto no chão como na luta em pé. Vamos sair na porrada”, declarou André, antes de comentar sobre a delicada situação vivida pelo adversário no UFC.

“Estou procurando meu espaço e um futuro melhor para minha família. Infelizmente, para isso, eu vou ter que lutar contra o Jacaré. O Jacaré é um grande atleta. Derrotas e vitórias fazem parte da carreira de qualquer atleta. Depois da minha luta vou torcer muito para que ele volte ao caminho das vitórias”, afirmou.

Acrescentar um triunfo sobre um lutador de renome como ‘Jacaré’ em seu currículo pode fazer com que o mineiro suba alguns degraus dentro do UFC, podendo inclusive se aproximar de uma vaga no concorrido ranking da categoria. Com os pés no chão, ‘Sergipano, no entanto, prega tranquilidade e admite que talvez precise de mais um resultado positivo antes de ser nomeado para o top 15 dos pesos-médios.

“Uma vitória contra o Jacaré me coloca no radar da categoria. Mas acredito que a categoria seja uma das mais difíceis (do UFC). Por isso, devo fazer outra luta até chegar no ranking”, concluiu.

No MMA profissional desde 2009, André ‘Sergipano’ acumula 20 vitórias, sendo 13 por finalização, e quatro derrotas em sua carreira. Oriundo do programa ‘Contender Series’, o mineiro estreou no UFC com uma vitória por pontos sobre Antônio Arroyo, em novembro de 2019, e finalizou Bartosz Fabinski, na sua segunda apresentação no octógono mais famoso do mundo, em setembro do ano passado.

Mais em Entrevistas