Siga-nos

Entrevistas

‘Blindado’ destaca próximo desafio no UFC para entrar no ranking dos médios

Após ter interrompida a sua série de vitórias no Ultimate, Bruno Blindado tem a chance de se recuperar e voltar a sonhar em ficar entre os principais nomes do peso-médio (84 kg) da organização. Neste sábado (13), o brasileiro mede forças com Gerald Meerschaert, no UFC San Diego, e está empolgado com esse novo compromisso no octógono.

Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag. Fight (clique aqui), ‘Blindado’ celebrou encarar um rival experiente pela frente e analisou o que prevê deste confronto. Empolgado por voltar a atuar após cinco meses longe das competições, o brasileiro, que tem 19 vitórias por nocaute na carreira, fez questão de mandar um aviso para o seu oponente.

“Em teoria ele vai querer a luta de chão e estou pronto. Não é que o Blindado não tenha chão, é que eu prefiro lutar em pé, mas sou faixa-preta de jiu-jitsu. De qualquer forma eu quero bater nele, a não ser que ele me prenda por três rounds, segure minhas mãos e vença por pontos. Estou indo para lá o mesmo Blindado de antes, só que com muito mais informação e terá algumas emoções. (…) Eu acho ele muito lento para a categoria, mas ele é meio ‘Walking Dead‘, toma umas porradas e anda para frente. É um mérito dele, tem um queixo duro, mas ele vai ter que fazer o chão ou desligar, mas não o vejo querendo trocar porrada comigo. Espero que queira (risos). Prefiro focar em mim do que no adversário”, explicou.

Apesar de vir de derrota em sua mais recente aparição, diante de Alex Poatan, em março deste ano, Blindado vinha de três vitórias seguidas, sendo todas por nocaute. Por isso, o brasileiro conta com esse retrospecto para confiar que pode entrar no ranking dos médios com mais um triunfo.

“O ranking é bem complicado. Às vezes quem está fora faz duas lutas e vai para o cinturão. Tem cara que tem dez vitórias e não entra. Quero entrar no ranking até para aparecer no videogame. Quero ter um boneco de cavanhaque no playstation, tudo certinho. É mais uma meta minha, mais uma história para contar. Seria injusto se não entrasse (com mais uma vitória), mas o ranking não tem parâmetro. seria o cenário perfeito terminar o ano ranqueado. Se o UFC falasse você está no ranking e quero você no UFC Rio (programado para 21 de janeiro), eu espero. Mas senão, vai ter que lutar mais uma para o ranking, me mande o próximo. Quero lutar”, completou.

Bruno ‘Blindado’, de 32 anos, estreou no UFC na temporada 2021 e causou impacto imediato na maior organização de MMA do mundo. Nela, o brasileiro disputou quatro lutas e venceu três por nocaute. Suas vítimas foram Andrew Sanchez, Jordan Wright e Wellington Turman. Nas artes marciais mistas desde 2010, o atleta ostenta um cartel composto por 22 triunfos, sendo 19 deles por nocaute, e sete derrotas.

Mais em Entrevistas