Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

UFC

Tyron Woodley critica Israel Adesanya por subir para os meio-pesados

Quando o UFC anunciou o choque entre os campeões Israel Adesanya e Jan Blachowicz pelo título dos meio-pesados (93 kg), a surpresa dominou a comunidade do MMA. A superluta é o ‘main event’ da edição de número 259, que acontece no dia 6 de março, em Las Vegas (EUA), porém não é unanimidade entre fãs e personalidades do esporte. Tyron Woodley foi um dos atletas que se posicionou contra o embate e tratou de apimentar a rivalidade entre o nigeriano e Jon Jones.

Em entrevista ao canal do ‘YouTube’ ‘Helen Yee Sports’, Woodley afirmou que Adesanya só decidiu se testar nos meio-pesados porque ‘Bones’ aceitou o desafio de subir para o peso-pesado. Vale lembrar que o atual campeão do peso-médio e Jon Jones são rivais e, constantemente, trocam provocações e ofensas de forma pública.

Em uma das discussões protagonizada pela dupla, ‘Bones’ perdeu a paciência e se colocou à disposição para por um ponto final na história, porém ‘The Last Stylebender’ negou o desafio e admitiu precisar de mais tempo para o aguardado acerto de contas acontecer. Sendo assim, Woodley não perdoou a postura de Adesanya, que mudou seu planejamento após Blachowicz conquistar o cinturão vago por Jones.

“Achei que Adesanya tinha alguns negócios a fazer nos médios. Logo depois que Jones subiu para os pesados, Adesanya subiu para os meio-pesados. Mas ele disse que não iria para os meio-pesados enfrentar Jones. Se você diz ser o melhor, agora você vai subir para lutar contra Blachowicz? Você não faria isso contra Jones? Isso não faz sentido. O pagamento é muito diferente”, disse Woodley, antes de completar.

“Adesanya teve a oportunidade de enfrentar o maior lutador de todos os tempos e quis esperar dois anos. Eu não entendo. Ele deve fazer o que quiser, mas não saia por aí provocando Jones. Jones o desafiou, mas Adesanya negou e pediu mais tempo. Um ano depois, Jones subiu e Adesanya também. Todo mundo quer ser campeão duplo depois do que McGregor fez, mas Blachowicz não é alguém com quem você pode brincar. Esse cara tem poder”, concluiu.

Caso Israel Adesanya se torne campeão dos meio-pesados do UFC ao vencer Jan Blachowicz, a imprensa especializada especula que Jon Jones possa voltar à categoria de origem para enfrentar o rival e reconquistar o cinturão. No entanto, ‘Bones’ adiantou que seu objetivo é o título do peso-pesado e seu foco é o vencedor da revanche entre Stipe Miocic e Francis Ngannou, válida pelo UFC 260, evento que acontece no dia 27 de março.

Mais em UFC