Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

UFC

Ponzinibbio recorda quando enfrentaria Usman e busca nova chance contra campeão

Após ficar sem atuar por quase três anos, Santiago Ponzinibbio, enfim, retornou à ação em 2021 e recuperou o ritmo de luta. Tanto que o argentino se prepara para realizar o terceiro combate na atual temporada, que vai acontecer no UFC 269, no dia 11 de dezembro, em Las Vegas (EUA). No show, ‘Argentine Dagger’ encara Geoff Neal, em importante duelo para os meio-médios (77 kg), mas está de olho mesmo é no campeão Kamaru Usman, com quem tem uma história pendente.

Em entrevista ao site ‘MMA Junkie’, Ponzinibbio garantiu estar pronto para lidar com um lutador competente como Neal e confessou que não vê a hora de crescer no ranking dos meio-médios para medir forças com a elite da categoria, algo que já poderia ter acontecido, caso não se lesionasse e sofresse com problemas de saúde. De qualquer forma, o argentino não esconde que seu principal alvo é Usman, mesmo este sendo um campeão dominante e líder no ranking peso-por-peso do UFC.

O motivo para Ponzinibbio buscar tal luta é simples. Primeiro, pelo fato do nigeriano ser dono do cinturão dos meio-médios, objetivo de desejo de todos os competidores da divisão. Segundo, porque, em 2018, o UFC ofereceu o combate para os atletas e ambos toparam se enfrentar, porém uma lesão tirou o striker de cena. Para piorar a situação, o encontro aconteceria no Chile, ou seja, o argentino poderia contar com a torcida do público para superar Usman, em ascensão na categoria na época. Mesmo assim, o lutador ainda não perdeu a esperança de encarar ‘The Nigerian Nightmare’ e o parabenizou por sua evolução no esporte.

“Sempre procuro fazer as melhores lutas e enfrentar os melhores caras da companhia. Estou sempre pronto para vencer os melhores lutadores e provar que estou entre os melhores do mundo. Meu objetivo é o título, mas estou focado em Neal. Felizmente, estou em ótima forma, me sentindo bem e preparado para vencê-lo. A ideia é terminar a luta e enfrentar um top-5. É isso que estou procurando. Quero ficar entre os cinco primeiros para ter a oportunidade de ganhar o título”, declarou o argentino, antes de completar.

“Usman está cada vez melhor, a cada luta e é um atleta incrível. Ele parece muito forte física e mentalmente e está em constante evolução. É isso que me chama a atenção. Eu amo esse confronto. Na verdade, aceitei lutar com ele quando me ofereceram a luta no Chile. Tínhamos concordado, mas por causa de uma lesão não pude competir. Ele se tornou campeão e eu tive um longo afastamento. Eu era o número seis, mas o UFC me removeu do ranking. Agora, estou de volta ao caminho e sei que depois dessa luta, dessa vitória, uma grande luta está vindo. Quero chegar o mais rápido possível ao título”, concluiu.

Santiago Ponzinibbio, de 35 anos, é o principal atleta argentino no UFC. Além de Kamaru Usman, ‘Argentine Dagger’ também expressou seu interesse em lutar contra Gilbert ‘Durinho’, Leon Edwards, Stephen Thompson e Vicente Luque. O ‘hermano’ estreou no MMA em 2008, disputou 32 lutas, venceu 28 e perdeu quatro vezes. Seus triunfos mais importantes foram sobre Gunnar Nelson, Miguel Baeza, Neil Magny e Sean Strickland.

Mais em UFC