Siga-nos
UFC/ Divulgação

UFC

Paul Craig surpreende e obriga Maurício Shogun a desistir no 2º round

Ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) do Ultimate, Maurício ‘Shogun’ voltou a se apresentar no octógono neste sábado (21), na luta de abertura do card principal do UFC 255. E como oponente, o atleta curitibano encontrou um velho conhecido: o escocês Paul Craig.

Ao contrário do primeiro duelo entre eles, realizado em novembro de 2019 e que terminou em empate, o escocês fez o dever de casa e não encontrou dificuldades para deixar o octógono com o braço levantado. Mais habilidoso no chão e com melhor preparo físico, o número 15 do ranking deve garantir ao menos uma posição na lista, que atualmente é ocupada pelo brasileiro.

Com o triunfo, Craig se tornou o segundo lutador a vencer uma revanche contra Shogun. Em um total de sete reencontros no MMA, Shogun venceu cinco deles, tendo apenas Dan Henderson e o escocês como algozes.

Vale lembrar que Shogun se apresentou pela segunda vez na temporada, feito raro e que foi realizado apenas em 2018 nos últimos seis anos. Neste período, o atleta havia perdido apenas uma de suas lutas, para Anthony Smith.

A luta

Logo no início da luta, Craig surpreendeu com alguns chutes altos para mostrar disposição a lutar em pé. Tudo, no entanto, pareceu parte do plano, tanto que na sequência duas precisas quedas colocaram o curitibano de costas no chão. Mais habilidoso na luta agarrada, o polonês chegou a pegar as costas de Shogun, levando vantagem em quase todo assalto – a não ser no minuto final, quando acabou por baixo. Shogun 9 x 10 Craig.

No segundo round, o brasileiro começou melhor e tentou pressionar. No entanto, com duas novas quedas o escocês retomou o controle da luta e voltou a pegar as costas do oponente. Desta vez, sem perder a posição, Craig puniu com golpes até que o ex-campeão desse os três ‘tapinhas’ no chão em sinal de desistência.

Acompanhe os resultado do card preliminar do UFC 255:

Paul Craig nocauteou Maurício ‘Shogun’ no 2º round;
Brandon Moreno nocauteou Brandon Royval no 1º round;
Joaquin Buckley nocauteou Jordan Wright no 2º round;
Antonina Shevchenko nocauteou Ariane Lipski no 2º round;
Nicolas Dalby venceu Daniel Rodriguez por decisão unânime;
Alan Jouban venceu Jared Gooden por decisão unânime;
Kyle Daukaus venceu Dustin Stoltzfus por decisão unânime;
Sasha Palatnikov nocauteou Louis Cosce no 3º round.

Mais em UFC