Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

UFC

Dana dispara contra jornal que criticou arena lotada no UFC 261: “Pedaço de m***”

Com o discurso de que o Ultimate seria o primeiro evento esportivo norte-americano a voltar a promover shows ao vivo com a presença total de público em arenas fechadas desde o início da pandemia de COVID-19, Dana White conseguiu cumprir com sua promessa neste sábado (24), com a realização do UFC 261. Com lotação máxima, a atração contou com 15 mil torcedores presentes na ‘VyStar Veterans Memorial Arena’, na cidade de Jacksonville, na Flórida (EUA).

Mas nem tudo foi motivo de celebração para o dirigente máximo do UFC. Na véspera do evento, o jornal ‘Las Vegas Review-Journal’ publicou um artigo questionando a realização do show e, em especial, a decisão dos 15 mil fãs de comparecer ao local, mesmo correndo o risco de ser infectado pelo coronavírus.

A publicação não parece ter agradado a Dana White, que – através de sua conta oficial no ‘Instagram’ (veja abaixo ou clique aqui) – rebateu o artigo do jornal e ressaltou sua irritação com o que classificou como ‘falta de apoio a um negócio local’. O dirigente ainda indicou que os profissionais do veículo de imprensa não serão bem-vindos na cobertura do próximo evento da organização marcado para Las Vegas.

“Hey, Las Vegas. Esse é o nosso pedaço de m*** de jornal local. Durante toda essa pandemia nós não despedimos um único empregado, nós trabalhamos com agências governamentais em Nevada e ao redor do mundo para promover todo evento de forma segura, e nós escolhemos trazer nosso maior evento do ano com Conor McGregor de volta para a cidade (de Las Vegas) no dia 10 de julho para ajudar a relançar a cidade. Ainda assim, é dessa forma que o Las Vegas Review Journal mostra seu apoio para um negócio verdadeiramente local. Vá se f*** LVRJ, e não se preocupe em vir para o evento em julho”, disparou Dana White.

Mais em UFC