Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Cormier critica desafio de Alex ‘Poatan’ a Jared Cannonier: “Vamos ser realistas”

No último sábado (12), Alex ‘Poatan’ venceu Bruno ‘Blindado’, por pontos, no card do UFC Vegas 50 e conquistou sua segunda vitória na principal organização de MMA do mundo. Mesmo com apenas dois combates disputados pelo Ultimate, o brasileiro surpreendeu e, ao final de sua participação no evento, desafiou o americano Jared Cannonier, segundo colocado no ranking peso-médio (84 kg) e visto por muitos como o favorito à vaga de próximo desafiante ao cinturão da categoria. Entretanto, o ambicioso pedido feito pelo paulista não foi bem recebido por parte da comunidade das lutas.

O ex-campeão peso-meio-pesado (93 kg) e peso-pesado do UFC Daniel Cormier, por exemplo, debochou da tentativa do brasileiro de pular alguns degraus direto rumo ao topo da divisão. Ao comentar sobre o assunto no programa ‘DC & RC’, da ‘ESPN’ americana, o veterano aconselhou ‘Poatan’ a ser mais realista em seus desafios, levando em conta sua atual posição dentro da categoria peso-médio do Ultimate.

Na visão do ex-lutador, a pressa demonstrada por ‘Poatan’ de chegar rapidamente em uma posição de destaque dentro da divisão, mesmo ainda dando seus primeiros passos na organização, tem a ver com uma comparação internalizada pelo brasileiro com Israel Adesanya, atual campeão peso-médio do UFC e rival sobre o qual o paulista possui duas vitórias no kickboxing.

“Ele vai e desafia o Jared Cannonier, que obviamente vai lutar pelo título, tipo o que você está fazendo? Quer dizer, lute com alguém no top 15 (primeiro), lute com alguém do top 10. Eu entendo sonhar alto, mas o sonho é alguém com um número do lado do seu nome neste momento”, cutucou Daniel Cormier, antes de continuar.

“Mais uma vez, são as vitórias sobre Izzy (Adesanya) no kickboxing que dão a ele essa sensação de invencibilidade. Ele está assistindo esse cara que ele nocauteou passar por cima da divisão, se tornar um megastar e ganhar muito dinheiro. Por fim, ele está tentando encontrar o caminho mais curto para chegar onde ele sente que é o lugar dele. Tiro o chapéu para ele. Mas, fala sério! Vamos ser realistas na forma como abordamos nossa jornada através do ranking do UFC”, concluiu.

Com uma carreira de sucesso no kickboxing, onde fez história ao se tornar bicampeão do ‘Glory’, principal evento da modalidade, Alex ‘Poatan’ decidiu migrar definitivamente para o MMA há pouco mais de um ano. O paulista assinou com o UFC no último mês de setembro e, até o momento, venceu seus dois compromissos no octógono mais famoso do mundo, ao superar Andreas Michailidis e Bruno ‘Blindado’, respectivamente.

Mais em UFC