Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Ciryl Gane busca disputar cinturão interino dos pesados do UFC caso vença Tuvasa

Em sua última luta, realizada em janeiro, na Califórnia (EUA), Ciryl Gane esteve perto de se tornar campeão do peso-pesado do UFC, porém foi surpreendido pelo wrestling de Francis Ngannou e sofreu a virada. No entanto, o francês permaneceu em destaque na categoria. Tanto que, agora, ‘Bon Gamin’ vai encarar Tai Tuvasa, dono de cinco vitórias seguidas, em setembro, em Paris (FRA), e, em caso de triunfo em casa, sonha alto na divisão.

Em entrevista ao site ‘MMA Junkie’, Gane pregou respeito ao perigoso adversário, mas não deixou de fazer planos para seu futuro no peso-pesado. O francês, primeiro colocado no ranking do peso-pesado do UFC, abaixo apenas do campeão Ngannou, ressaltou que, se confirmar o favoritismo na luta contra Tuvasa, vai se tornar merecedor de disputar o título interino da categoria. Vale lembrar que o camaronês, detentor do cinturão linear, está lesionado e em atrito com o UFC.

A companhia vê com bons olhos a possibilidade da hipotética luta entre Jon Jones e Stipe Miocic ser válida pelo cinturão interino da categoria. Caso o UFC oficialize o duelo dos ícones do MMA neste molde e Gane passe por Tuvasa, o atleta já se coloca à disposição para encarar o vencedor do combate envolvendo o antigo rei dos meio-pesados (93 kg) e o ex-campeão do peso-pesado pelo título provisório da divisão.

“Acho que se eu vencer Tuivasa, será uma luta pelo título interino contra o vencedor da próxima luta pelo título interino. A perda para Ngannou me deixou um pouco para trás, mas isso me deu mais desafio, então estou bem. Sou um competidor, gosto disso. Tudo bem, porque algumas pessoas dizem, ‘Você acabou de perder para Ngannou, deve ter a vingança pelo cinturão’ e eu digo que não, que estou bem com isso. É muito complicado o momento da divisão. Há muitas pessoas entre os cinco primeiros e acho que, para o UFC administrar isso, é um pouco complicado para que eu possa entender o plano do UFC, mas estou bem com isso. Se em setembro eu vencer Tuivasa, se for possível, vou pressionar. Não quero esperar muito tempo. Não sei quando vai acontecer a luta entre Jones e Miocic, mas, se eu vencer Tuivasa, quero fazer uma luta logo depois dessa pelo cinturão interino”, declarou o francês.

Vale lembrar que Ciryl Gane já foi campeão interino do peso-pesado do UFC. Em 2021, o francês foi até o Texas, dominou Derrick Lewis e o nocauteou no terceiro round. A única derrota de ‘Bon Gamin’ no MMA foi para Francis Ngannou, na disputa pelo título linear da categoria.

Mais em UFC