Siga-nos
Alejandro Salazar/PxImages

UFC

Borrachinha zomba de Chimaev por desafiar ‘Durinho’ e ‘Poatan’ no UFC

Após vencer Luke Rockhold em sua luta mais recente no UFC, realizada em agosto, em Utah (EUA), Paulo Costa voltou a sonhar em disputar o título do peso-médio (84 kg) e escancarou seu alvo. Como ‘Borrachinha’ discutiu de forma ferrenha e quase brigou com Khamzat Chimaev no Instituto de Performance da organização, localizado em Las Vegas (EUA), definiu o desafeto como oponente ideal, mas, até o momento, o duelo não foi anunciado. Mesmo assim, o brasileiro não perde a chance de provocar o rival.

Após o ocorrido, ‘Borrachinha’ atacou Chimaev, o desafiou para resolver as diferenças no octógono, mas o russo ignorou o ‘trash talk’ de Paulo. Irritado com as recusas de Khamzat, o brasileiro o apelidou de ‘checheno gourmet’, porque o mesmo diz aceitar enfrentar qualquer lutador e o acusou de fingir que nada aconteceu entre eles para evitar o combate. Como ‘Borz’ expressou o interesse em encarar Alex ‘Poatan’, campeão do peso-médio, e Gilbert ‘Durinho’, o mineiro, por meio de suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui), classificou o rival como covarde por buscar lutas acessíveis, nas quais possui vantagem física ou técnica diante dos oponentes.

“Se você é zero de grappling ou menor que 1,68, o cupcake checheno quer lutar com você”, escreveu o lutador em sua conta oficial no ‘Twitter’.

Paulo Costa, de 31 anos, é um dos principais lutadores brasileiros no UFC. O atleta, dono de um estilo de luta empolgante, ficou conhecido no esporte por conta do poder de seus golpes e de seu porte físico acima da média para atuar no peso-médio (84 kg). ‘Borrachinha’ iniciou sua trajetória no MMA em 2012 e estreou no Ultimate em 2017. Pela companhia, o mineiro realizou oito combates, venceu seis deles, disputou o título da categoria e perdeu duas vezes. Seus triunfos mais importantes foram sobre Johny Hendricks, Luke Rockhold, Uriah Hall e Yoel Romero.

Mais em UFC