Siga-nos
Divulgação/UFC

UFC

Após vitória, Edson Barboza pede que UFC marque nova luta “o mais rápido possível”

Após conquistar sua primeira vitória na divisão dos penas (66 kg), Edson Barboza já visa uma rápida ascensão rumo ao topo da categoria. Por isso, o brasileiro – que superou Makwan Amirkhani na decisão unânime dos juízes, no último sábado (10), pelo co-main event do UFC ‘Fight Island 5’ – não parece disposto a perder tempo.

Durante a coletiva de imprensa após o evento, Edson demonstrou interesse em voltar ao octógono para uma nova disputa o mais rápido possível. O lutador, que saiu praticamente ileso do confronto diante de Amirkhani, revelou que deve tirar apenas alguns dias de descanso ao lado da família e retornar para os treinamentos logo em seguida, enquanto espera um novo chamado do UFC.

“Por favor, UFC, me dê uma luta o mais breve possível. Cara, eu realmente amo meu trabalho. Espero que o UFC me dê uma chance de lutar o mais rápido possível. Eu só preciso de alguns dias para aproveitar minha família, meus filhos, minha esposa. Graças a Deus, eu não estou machucado, estou 100% saudável. Estou pronto para voltar para a academia, treinar duro, evoluir e lutar o mais rápido possível”, pediu Barboza.

O triunfo conquistado no sábado interrompe uma sequência de três derrotas nas últimas apresentações do brasileiro, sendo que duas delas – para Paul Felder e Dan Ige – vieram após decisões altamente contestáveis dos juízes. Agora Edson Barboza soma 21 vitórias e nove reveses em seu cartel.

Mais em UFC