Siga-nos
Leandro Bernardes/PxImages

UFC

Após reunião com Dana White, Khabib nega volta ao UFC: “Lutar não está nos planos”

A novela continua. Se no sábado (16) Dana White deu a entender que Khabib Nurmagomedov pode sair da aposentadoria e, consequentemente, retornar ao UFC, na quarta-feira (20), o campeão do peso-leve (70 kg) da organização frustrou os planos do cartola. O russo, que atuou como corner de seu primo Umar Nurmagomedov, no UFC Fight Island 8, evento realizado em Abu Dhabi (EAU), atualizou sua atual situação no esporte e, a princípio, a notícia é boa para seus fãs.

Em entrevista ao canal do ‘YouTube’ ‘Sport24ru’, Khabib afirmou com todas as letras que lutar não faz parte de seus planos. O campeão do peso-leve do UFC explicou que os lutadores precisam estar dispostos no MMA e indicou que não possui mais motivação para tal. O russo lembrou que possui muitos feitos em sua carreira e mencionou ter vários projetos, até mesmo nos esportes de combate, mas negou que o retorno ao octógono seja um deles. Ao mesmo tempo, ‘The Eagle’, como o atleta é conhecido, adiantou que vai seguir treinando, já que ama o estilo de vida que pratica há anos.

“Deve haver alguma motivação, alguma fome. Eu pratico esportes há tantos anos, tenho feito isso toda a minha vida. Já consegui quase tudo no MMA e não há ninguém com quem eu gostaria de lutar agora. Sei que há muitos lutadores que gostariam de ganhar dinheiro, que lutam por algo. O que devo fazer? Muitas pessoas não querem entender meu lado. Se falarmos sobre todos os meus projetos de negócios, tenho muito o que fazer e as lutas não estão nos planos. Treino para mim. O que mais me dá prazer é treinar. É o que fiz por toda vida e vou continuar treinando constantemente, mas se falarmos das lutas, elas não fazem parte dos meus planos”, declarou Khabib que explicou que não vai decepcionar sua mãe e ressaltou que teve que se sacrificar para alcançar seu atual nível.

“As pessoas discutem constantemente se vou voltar ou não. Estamos em 2021 e muita coisa aconteceu em 2020. Não sabemos o que vai acontecer em 2022, 2023, então não vamos falar sobre isso. Ninguém sabe o que vai acontecer amanhã. Não tenho planos para o UFC em um futuro próximo. Não tenho qualquer ideia de como me preparar para a luta. Minha mãe é a coisa mais preciosa que me resta. Você não vai me pressionar para fazer algo que vai decepcionar minha mãe. Me deixe aproveitar o que tenho por hoje. Eu me sacrifiquei muito para chegar a este nível”, concluiu.

Khabib Nurmagomedov, de 32 anos, é um dos lutadores mais dominantes da história do MMA. Os triunfos mais importantes do campeão do peso-leve do UFC foram diante de Conor McGregor, Justin Gaethje, Dustin Poirier, Rafael dos Anjos, Edson Barboza e Gleison ‘Tibau’. Atualmente, o russo se transformou em homem de negócios e virou presidente do EFC (Eagle Fighting Championship), sua própria organização de MMA.

Mais em UFC