Siga-nos
Natássia del Fischer

UFC

Amigo de Khabib, Cormier promete imparcialidade ao comentar disputa do UFC 254

Ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) e dos pesos-pesados do Ultimate, Daniel Cormier pendurou as luvas em agosto deste ano e agora se dedica totalmente ao trabalho como comentarista, que já vinha desempenhando nos últimos anos, concomitantemente com a carreira de lutador. Neste sábado (24), ao fazer parte da equipe de transmissão do UFC 254, o americano passará talvez pelo maior teste, até o momento, em sua nova profissão.

Amigo pessoal e companheiro de equipe de Khabib Nurmagomedov na ‘American Kickboxing Academy’ (AKA), Cormier precisará provar que pode fazer seu trabalho de forma imparcial, sem deixar sua boa relação com o campeão peso-leve (70 kg) interferir em suas análises sobre a disputa entre o russo e Justin Gaethje. A experiência de comentar lutas que contem com a presença de colegas de time não é inédita na nova carreira de ‘DC’, mas ele admite que a proximidade com ‘The Eagle’ faz com que a missão de manter a imparcialidade seja mais complicada desta vez.

Apesar disso, o ex-lutador ponderou que esta confronto específico entre Khabib e Gaethje o deixa mais confortável no exercício de sua função com imparcialidade, tendo em vista o respeito e a boa relação que possui também com o compatriota. De acordo com ‘DC’, o mesmo não poderia ser dito caso ele tivesse que comentar um duelo entre o russo e Conor McGregor, seu desafeto, em razão de toda a animosidade existente entre eles.

“Eu sempre disse não para trabalhar nas lutas de companheiros de time. Mas conforme eu sigo em frente nessa segunda fase da minha vida, eu tenho que fazer isso. É o meu trabalho. Não foi uma decisão tomada no impulso. Tem muitas pessoas perguntando: ‘Você pode fazer esse trabalho?’. Para mim, eu comentei lutas do Islam Makhachev, comentei lutas do Deron Winn, e eu sinto que me mantive o mais neutro possível. Então, eu percebi que podia fazer isso. É difícil, certo? Porque Khabib está na AKA há oito anos, e nós vimos sua ascensão desde o início. Mas eu tenho um trabalho a fazer no sábado”, declarou Cormier, antes de admitir que o fato de gostar do adversário do russo facilita sua missão.

“Certos caras, se ele lutasse com eles, eu não conseguiria fazer o trabalho. Eu estou sendo honesto. Mas eu tenho tanto respeito por Justin (Gaethje) que eu posso fazer o trabalho com ele lutando com Justin, porque eu gosto muito do Justin. É difícil fazer isso com alguém que você conhece. Comentar (a luta entre) Khabib e Conor, com toda a inimizade, eu não poderia ter feito isso porque você ficaria só do lado de um cara. Mas Justin é um cara legal”, finalizou ‘DC’, em conversa com a imprensa na ‘Ilha da Luta’ nesta quinta-feira (22).

Khabib Nurmagomedov e Justin Gaethje se enfrentam neste sábado, na luta principal do UFC 254, que será realizado na ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU). O duelo terá em jogo o cinturão linear peso-leve da organização, atualmente sob posse do invicto lutador russo.

Mais em UFC