Siga-nos

UFC

Amanda Ribas relata sintomas e pede orações para sua recuperação da COVID-19

Escalada para enfrentar Angela Hill no UFC Vegas 26, Amanda Ribas viu sua participação no evento do último sábado (8) ser cancelada a poucas horas do início do show, após testar positivo para COVID-19. Isolada em um quarto de hotel na cidade de Las Vegas (EUA), a lutadora mineira ainda sente os efeitos do vírus no seu organismo.

Em um vídeo enviado à Ag Fight (veja acima ou clique aqui), Amanda revelou que começou a sentir os sintomas da doença dois dias antes da pesagem oficial do UFC Vegas 26, ainda de forma leve, e que, desde a confirmação de sua infecção pelo vírus, a situação piorou. Vale lembrar que a lutadora chegou a subir na balança e bater o peso na véspera do evento, antes de ser retirada do card.

Visivelmente abatida, a mineira ainda pediu por orações aos fãs para que tanto ela, como seu pai, que também testou positivo para COVID-19, se recuperem e possam ser liberados da quarentena forçada. Esta foi a segunda vez que Amanda foi infectada pelo coronavírus.

“Fala ‘galeritcha’, eu estou meio sumida porque estou aqui de quarentena. Então, eu estava sentindo os sintomas desde quarta-feira – e eu pensava que era o ar-condicionado, tossindo e tudo -, daí bati o peso sexta-feira normal, já sentindo alguns sintomas. Quando saiu positivo, de lá para cá só foi piorar. Estou sem olfato, sem paladar, quando eu ando um pouquinho já canso, tossindo, com catarro, aquela coisa toda. E meu pai também. Então, eu venho pedir a todo mundo que fique em oração para que a gente possa melhorar e sair dessa quarentena logo, porque ficar no quarto só hidratando não é muito legal (risos)”, brincou Amanda.

No MMA profissional desde 2014, Amanda Ribas soma dez vitórias e duas derrotas em seu cartel. Pelo UFC, a mineira, ex-campeã peso-palha do Jungle Fight e do Max Fight, venceu seus quatro primeiros compromissos, até ver sua sequência positiva ser interrompida pela compatriota Marina Rodriguez, em janeiro deste ano, na ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU).

Mais em UFC