Siga-nos
Reprodução/Twitter

Notícias

Zuluzinho sofre novo nocaute 21 dias após derrota polêmica; veja

Menos de um mês depois de sofrer um nocaute brutal em uma luta polêmica na Bielorrússia, Wagner da Conceição Martins, o ‘Zuluzinho’, voltou a perder, e da mesma forma. Em ação pelo evento ‘MMA Attack 4’, realizado no sábado (24), na Polônia, o veterano lutador brasileiro, de 44 anos, foi superado pelo senegalês Serigne Ousmane Dia, conhecido como ‘Bombardier’, em apenas 43 segundos de luta (veja abaixo ou clique aqui).

Depois de um rápido período de estudo da distância por parte de ambos os lutadores, ‘Bombardier’ conseguiu conectar uma boa sequência de golpes que levou o brasileiro ao solo. Impiedoso, o senegalês passou a aplicar duros golpes no ground and pound, até que o árbitro central da disputa percebesse que Zuluzinho estava indefeso e encerrasse o combate, dando a vitória relâmpago para Serigne Ousmane Dia.

Em sua conta oficial no ‘Instagram’ (veja abaixo ou clique aqui), Zuluzinho reconheceu o mérito de seu adversário na derrota deste sábado e prometeu voltar ao caminho das vitórias em suas próximas apresentações. O gigante brasileiro, filho do lendário Rei Zulu, ainda explicou que vem passando por problemas fora do cage, mas afirmou que tudo se resolverá no futuro próximo. O maranhense também revelou que possui mais duas lutas no contrato assinado com a organização polonesa.

“Infelizmente, acabei perdendo a luta. Estou vindo de duas derrotas e um empate. Nas lutas passadas, eu fui ‘garfado’. Mas, agora, eu realmente perdi. Mas eu prometo a vocês que na próxima será melhor, estarei melhor. Estou passando por problemas e vou resolver tudo isso, para poder melhorar o psicológico. Não adianta você estar 100% de treino e não estar com o psicológico bom. Sou ser humano, eu tenho problemas, todo mundo tem problemas. Mas já está meio caminho andado para ser resolvido. E essa luta eu perdi. O cara era um gigante, mérito a ele. Uma derrota muito triste. Mas tenho mais duas lutas, fechei um contrato de mais duas lutas aqui na Polônia. E essas duas lutas, eu prometo a vocês que não haverá mais derrota. Vou fazer tratamento psicológico correto, vou treinar ainda mais forte, e prometo que vai ser um Zuluzinho novo”, afirmou o veterano, ex-Pride.

A nova derrota, desta vez por nocaute técnico, chega 21 dias após Zuluzinho sofrer um nocaute brutal no ‘AMC Fight Nights Global’, evento realizado na Bielorrússia. Na ocasião, o brasileiro estava na montada e iniciando um ataque no braço, conhecido como ‘americana’, quando o árbitro – baseado em uma regra do show que limitava o tempo de trabalho no chão a um minuto – colocou o veterano e seu oponente novamente em pé. No reinício do duelo, Petr Romankevich, adversário do maranhense, acertou uma potente joelhada que levou Zuluzinho à lona, quando restavam poucos segundos para o fim do primeiro assalto.

Mais em Notícias