Siga-nos
UFC/ Divulgação

Notícias

Parceiro de treinos de Charles do Bronx dá show e garante contrato com o UFC

Chegou ao fim a sexta temporada do programa Contender Series. Realizado nesta terça-feira (27), o décimo episódio do show teve a participação de quatro atletas brasileiros. E ao final das cinco disputas previstas, dois deles agradaram os promotores do UFC o suficiente para garantir um contrato com a organização.

A começar por Mateus ‘Bocão’ Mendonça, que nocauteou Ashiek Ajim no 1º round. Pupilo de Diego Lima e parceiro de treinos de Charles ‘Do Bronx’ na academia Chute Boxe, o jovem de 23 anos não tomou conhecimento do rival americano e precisou de apenas 48 segundos para deixá-lo desacordado no octógono.

Desta forma, o atleta, que recebeu elogios do agora patrão Dana White, ampliou a invencibilidade de seu cartel profissional para dez triunfos. Cenário parecido com o de Rafael Macapá, que deu cabo de seu oponente na segunda etapa.

Melhor desde o início, o aluno de Dedé Pederneiras derrubou o compatriota João Elias em todos os assaltos e manteve o controle no chão, de onde atacou no ground and pound. A insistência deu resultado e o lutador de 26 anos anotou sua 11ª vitória no MMA profissional. Mais um contratado, o último brasileiro da temporada.

Acompanhe os resultados do Contender Series:

Bo Nicka nocauteou Donovan Beard no 1º round;
Sam Patterson finalizou Vinicius Sacchelli Cenci no 2º round;
Jack Jenkins nocauteou Freddy Emiliano no 2º round;
Rafael Macapá nocauteou João Elias no 2º round;
Mateus ‘Bocão’ nocauteou Ashiek Ajim no 1º round.

Mais em Notícias