Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

Notícias

Mayweather anuncia que lançará série documental sobre sua trajetória no boxe

Os fãs de séries documentais esportivas – sobretudo de modalidades de combate – ganharão um prato cheio em breve. Um dos maiores pugilistas da história do boxe, Floyd Mayweather anunciou que lançará uma produção audiovisual chamada ‘The Goat’ (o melhor de todos os tempos), que contará a história de sua vida correlacionada à nobre arte, com direito a filmagens inéditas de bastidores de sua trajetória.

De acordo com ‘Money’, a série, que ainda não conta com data de estreia estipulada, abordará todos os momentos de sua carreira no esporte, desde 1996, quando estreou profissionalmente no boxe. Apesar do extremo sucesso que teve na carreira, a ideia de Mayweather é também mostrar os percalços que um competidor de elite passa e que o grande público, por vezes, não tem acesso.

“De 1996 até agora, centenas de horas gravadas, são 26 anos de filmagem. Sinto que o mundo deveria ver uma parte diferente do Floyd Mayweather, as pessoas deveriam ver uma parte diferente de mim. Quero poder contar a minha história do meu jeito. As coisas boas, as ruins, o feio. Não quero que achem que eu cortei certas partes e que tudo são glórias. Existem muito altos e baixos, assim como na vida. E passei por muitas batalhas. Não só comigo mesmo, mas com as pessoas que amo. As pessoas vão amar (o documentário), podem acreditar em mim”, previu, antes de revelar que recebia propostas para contar sua história através de um documentário antes mesmo de pendurar as luvas.

“Desde o início da minha carreira profissional, em 1996, me pediam: ‘Floyd, vamos fazer um documentário da sua carreira amadora. Falar sobre como seu pai foi para a prisão, como sua avó limpava quartos de hotel para cuidar de você e como você vivia em New Brunswick com mais sete de nós em um só quarto’. A história é realmente incrível. As pessoas vão amar”, completou, em entrevista ao ‘TMZ Sports’.

Com uma trajetória irretocável como profissional, Floyd se aposentou em 2017, com 50 vitórias e nenhuma derrota no cartel. Atualmente, o astro norte-americano se mantém ativo e recebe bolsas milionárias ao realizar lutas de exibição nos ringues contra atletas menos experientes, ou oriundos do MMA.

Mais em Notícias