Siga-nos
Divulgação/UFC

Notícias

Lesionado, Prochazka pede desculpa para Glover Teixeira por sair de luta no UFC

Jiri Prochazka foi novamente responsável por chocar a comunidade do MMA, mas, dessa vez, não com performances insanas no octógono e sim com uma triste notícia. Na última quarta-feira (23), o UFC anunciou que o tcheco sofreu uma grave lesão no ombro e ficou impossibilitado de atuar na edição de número 282 contra Glover Teixeira, no dia 10 de dezembro, em Las Vegas (EUA). Como a aguardada revanche com o brasileiro caiu, ‘Denisa’ enviou uma mensagem ao rival.

Em suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui), Prochazka, chateado por conta da lesão no ombro sofrida, se desculpou com Glover por não poder lhe dar sua aguardada revanche e, consequentemente, a chance de reconquistar o título dos meio-pesados (93 kg) do UFC. Mas, mesmo triste, uma vez que deve ficar afastado do octógono por seis meses ou até um ano, o tcheco mostrou ‘fairplay’ e parabenizou Jan Blachowicz e Magomed Ankalaev, que foram escalados pela companhia para a disputa pelo cinturão linear vago da categoria. De todo modo, ‘Denisa’ garante que o contratempo vai lhe tornar mais forte e promete um retorno triunfal diante do novo líder da divisão.

“Obrigado pelas mensagens. Eu tenho que pedir desculpas ao Glover. Isso é a vida. Parabéns para Ankalaev e Blachowicz pela chance pelo título. Eu vou voltar. Vou buscar esse título e muito mais. Minhas metas são mais altas do que apenas um título.. Eu vou voltar. Vitória”, declarou o ex-campeão do UFC em vídeo publicado em sua conta oficial no ‘Instagram’.

Jiri Prochazka, de 30 anos, protagonizou uma ascensão meteórica no UFC. O tcheco estreou pela companhia em 2020, disputou três lutas e se tornou campeão dos meio-pesados em 2022. Pela organização, ‘Denisa’ nocauteou Volkan Oezdemir, Dominick Reyes e finalizou Glover Teixeira em sequência. No Rizin FF, o atleta nocauteou Bruno Cappelozza, CB Dollaway, Karl Albrektsson, Muhammed ‘King Mo’ Lawal e Vadim Nemkov.

Mais em Notícias