Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

Notícias

Dana White cogita disputa de cinturão entre Volkanovski e Ortega para fevereiro

Demorou, mas, parece que o cenário da divisão dos pesos-penas (66 kg) do UFC ficou claro. Depois de muito se discutir qual atleta se tornaria o próximo desafiante do campeão Alexander Volkanovski, a vitória de Brian Ortega sobre o ‘Zumbi Coreano’, em outubro, somada ao cancelamento do duelo entre Zabit Magomedsharipov e Yair Rodriguez, encerrou qualquer debate.

Em entrevista ao site ‘BT Sport’, Dana White, presidente do UFC, confirmou Ortega contra o australiano e, a princípio, cogitou realizar a disputa pelo cinturão da categoria em fevereiro. O card em questão, no entanto, segue sem uma data ou local definidos pela organização do show.

“Provavelmente (em fevereiro). Essa é uma luta divertida também. Amo essa luta”, informou Dana. Mesmo sem muitas informações, a mídia especializada que cobre o esporte especula que Volkanovski vs Ortega seja uma das grandes lutas do UFC 258, que acontece no dia 13 de fevereiro.

Alexander Volkanovski, de 32 anos, teve uma ascensão meteórica no UFC. O australiano estreou na organização em 2016 e se tornou campeão do peso-pena em 2019. O número um da categoria disputou nove lutas pela companhia, venceu todas e seus triunfos mais marcantes foram sobre Max Holloway, duas vezes, José Aldo, em pleno Brasil, e Chad Mendes.

Brian Ortega, de 29 anos, teve um retorno triunfal ao octógono. O norte-americano não atuava desde 2018, mas não estava aposentado. Como sofreu muitos danos em seus combates, o atleta optou por se afastar durante um período indeterminado para se recuperar das lesões e aperfeiçoar seu jogo. E a decisão se mostrou correta, já que, em sua volta, o norte-americano surpreendeu ao dominar o temido ‘Zumbi Coreano’ por cinco rounds. A atuação de Ortega foi tão impressionante, que fez o próprio Volkanovski, campeão dos penas, pedir ao UFC que o deixasse lutar pelo cinturão da classe.

Mais em Notícias