Siga-nos
Matt Davies/PxImages

MMA

Ex-UFC minimiza currículos de Kayla Harrison e Larissa Pacheco: “Nada comparado ao meu”

Dois meses depois de encerrar sua trajetória no UFC de forma melancólica, sofrendo duas derrotas consecutivas e algumas lutas canceladas por problemas para bater o peso, Aspen Ladd estreou com o pé direito no PFL. Na noite de sexta-feira (25), a americana venceu Julia Budd na decisão dividida dos juízes e espantou a má fase. Já de olho no futuro na nova casa, a lutadora, que agora compete no peso-pena (66 kg), analisa possíveis rivais e se mostra confiante.

Especificamente, a americana, ao que tudo indica, está confortável com a possibilidade de encarar duas das principais estrelas da companhia, as pesos-leves (70 kg) Kayla Harrison e Larissa Pacheco, que também atuaram no evento de sexta-feira, em Nova York (EUA), pela final do torneio da divisão, em duelo que terminou com vitória da brasileira. Apesar de reconhecer o talento e a evolução, especialmente da nova campeã do PFL, de ambas, Ladd não parece impressionada com o currículo das potenciais adversárias.

“Eu acho que Larissa progrediu incrivelmente. Ela se saiu muito bem com sua trocação. Eu acho que Kayla tem sido a rainha por um longo tempo, mas se você olhar para qualquer um dos currículos delas, é absolutamente nada comparado às pessoas que eu lutei. Então, você tem diferentes níveis de experiência com diferentes níveis de oponentes”, afirmou a ex-lutadora do UFC na entrevista coletiva pós-show, de acordo com a transcrição do site ‘MMA Junkie’.

Em sua carreira profissional, iniciada em 2015, Aspen Ladd competiu no Invicta FC e no UFC, antes de assinar com o PFL em outubro deste ano. As vitórias mais expressivas da americana nas duas organizações anteriores foram contra Lina Lansberg, Tonya Evinger, Sijara Eubanks e Yana Kunitskaya. A lutadora possui três derrotas no cartel, todas no Ultimate, para Germaine de Randamie, Norma Dumont e Raquel Pennington.

Para efeito de comparação, Kayla Harrison sofreu sua primeira derrota no MMA na última sexta-feira, pelas mãos de Larissa Pacheco. Até então, a judoca bicampeã olímpica somava 15 vitórias, sendo as mais importantes contra a própria Larissa, Mariana Morais, Cindy Dandois, Genah Fabian e Marina Mokhnatkina.

Larissa Pacheco, por sua vez, venceu na carreira nomes como: Irene Aldana, Karol Rosa, Sarah Kaufman, Genah Fabian e Kayla Harrison. A brasileira só foi derrotada por três pessoas: a própria Kayla (2 vezes), Jéssica ‘Bate-Estaca’ e Germaine de Randamie.

Mais em MMA