Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

Boxe

Esquiva Falcão comemora reconhecimento por lutar em grande evento no Brasil

Esquiva Falcão aproveitou a oportunidade de atuar em meio aos holofotes. No último domingo (30), o atleta, que é um dos maiores nomes da história do boxe no Brasil, lutou no ringue do ‘Fight Music Show’, organização que mistura combates com entretenimento, contra Yuri Fernandes e não tomou conhecimento do oponente. Após a bela vitória, o profissional não escondeu a alegria por ser convidado para integrar a festa.

Ainda em cima do ringue, Esquiva, que constantemente reclama da falta de visibilidade que os lutadores de boxe possuem no Brasil, comemorou o fato de se apresentar para o grande público e voltar a atuar em casa, algo que não acontecia desde 2020. Vale destacar que, apesar de ser um esporte tradicional, os embates da nobre arte não são transmitidos com frequência no país. Empolgado com seu domínio contra Yuri, o atleta, invicto na carreira, garantiu que é questão de tempo para se tornar campeão e ampliar o legado na modalidade.

“Fiquei muito emocionado. Olha o tanto de gente que me viu lutar. Há muito tempo eu não lutava no Brasil. Dei uma colher de chá para o Yuri. Eu maneirei, mas ele está de parabéns. O pessoal assistiu ao próximo campeão mundial do Brasil”, declarou o boxeador.

Esquiva Falcão, de 32 anos, é um dos pugilistas mais importantes do Brasil. O atleta iniciou sua trajetória no boxe profissional em 2014 e, apesar da boa reputação conquistada na nobre arte, só conseguiu se colocar em posição de destaque depois de uma longa caminhada. Vale destacar que o brasileiro conquistou a medalha de prata nas Olímpiadas de 2012, realizada em Londres (ING).

Mais em Boxe