Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

Entrevistas

Jiří Procházka pede para lutar pelo cinturão contra vencedor de Blachowicz vs Glover

Jiří Procházka impressionou no UFC Vegas 25. No evento realizado no último sábado (1º), em Las Vegas (EUA), o tcheco nocauteou Dominick Reyes ao aplicar uma cotovelada giratória no segundo round e se consolidou como ameaça nos meio-pesados (93 kg). Empolgado pelo belo e importante triunfo, ‘Denisa’, como o atleta é conhecido, pediu para lutar pelo cinturão da categoria na sequência.

Na coletiva de imprensa pós-UFC Vegas 25, Procházka garantiu estar preparado para ser o desafiante ao título dos meio-pesados, mas, ao mesmo tempo, não mostrou interesse em furar a fila de Glover Teixeira. Pelo contrário, o tcheco pregou respeito em relação a Jan Blachowicz, campeão da categoria, e ao brasileiro, que se enfrentam na edição de número 266, que acontece no dia 4 de setembro, sem local definido, e sinalizou que vai aguardar para medir forças contra o vencedor.

“Sim, estou pronto. Acho que mereço essa luta pelo título. Gosto do meu vizinho Blachowicz. Agora é a luta dele com Glover, certo? O vencedor será meu próximo oponente. Será uma grande honra para mim”, declarou o tcheco.

Em sua segunda aparição pela companhia, ‘Denisa’ nocauteou um profissional que já lutou duas vezes pelo cinturão dos meio-pesados e faturou os bônus de ‘luta da noite’ e ‘performance da noite’ do UFC Vegas 25. Contudo, apesar de comemorar o triunfo e não esconder a empolgação quanto ao seu futuro na empresa, Procházka admitiu que precisa evoluir em algumas áreas, principalmente, seu sistema defensivo.

“Foi uma luta muito boa. Quero mostrar a beleza da arte, mas às vezes vou muito rápido para a vitória. Com isso, recebo alguns socos. Ainda estou aprendendo a cada luta. Foi apenas o fluxo. É por isso que uso esse cabelo, para ter essas ideias. Na minha primeira luta no UFC, não defendi. Não houve muita defesa nesta luta, mas funcionou. Ainda tenho que consertar algumas coisas”, concluiu.

Dono de um estilo de luta empolgante e agressivo, Jiří Procházka, de 28 anos, protagoniza uma ascensão meteórica no UFC. O tcheco estreou pela organização em julho de 2020. Na ocasião, o europeu nocauteou Volkan Oezdemir e passou a ocupar o quinto lugar no ranking dos meio-pesados. Após o o importante triunfo diante de Dominick Reyes, a imprensa especializada especula que a promessa da categoria está próxima de disputar o cinturão.

Mais em Entrevistas