Siga-nos
exclusivo!
Leandro Bernardes / PxImages

Entrevistas

Esquiva Falcão ataca Mayweather por “sujar” história do boxe e desafia Júlio Cocielo

A entrada de celebridades da internet no mundo do boxe – que teve seu mais recente episódio no último domingo (6), com a realização da luta de exibição entre Floyd Mayweather e Logan Paul – parece realmente ter chegado para ficar. E o mais novo interessado em aderir à nova moda, que tem gerado cifras milionárias para os envolvidos, é o pugilista brasileiro Esquiva Falcão, medalhista de prata na Olimpíada de Londres, em 2012, e detentor de um cartel invicto como profissional.

O assunto, no entanto, gera uma espécie de conflito interno no boxeador. Se por um lado, Esquiva classifica o confronto entre Mayweather e Paul como uma mancha na história da nobre arte, por outro, o capixaba enxerga a oportunidade de, assim como o norte-americano, lucrar em cima do interesse do público por este tipo de confronto. E, para isso, o medalhista olímpico já tem inclusive um alvo: o youtuber Júlio Cocielo.

Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag Fight, Esquiva reforçou o desafio ao youtuber – feito anteriormente em suas redes sociais – e se mostrou empolgado com a possibilidade do duelo sair do papel. Na visão do lutador, inclusive, o hipotético embate, ainda que seja disputado também em caráter de exibição, pode passar uma imagem mais verdadeira ao público do que o promovido por Mayweather e Paul.

“Eu sou contra esse tipo de luta. O Floyd (Mayweather) está sujando o nome da nobre arte. Está sujando o nome. Sou contra. Mas fazer o que? É a vida. A vida é desse jeito. Eles são youtubers, têm muitos seguidores, são muito famosos na internet. Então, isso acaba furando fila de muitos atletas. Mas é desse jeito. Temos que fazer nossa parte para conseguirmos chegar a fazer grandes lutas um dia”, declarou Esquiva Falcão, antes de admitir que, apesar de não concordar, pode seguir os passos do ex-campeão mundial.

“Isso está virando moda. Lutador enfrentar youtuber, algum famoso. A galera gosta de ver isso. E como está gerando muito dinheiro e repercutindo muito, seria legal fazer uma exibição com o Júlio Cocielo. Até falei no meu Instagram e ele aceitou. Agora é combinar para ver se tudo dá certo. Se tudo der certo, pode ter certeza que nós vamos fazer: Esquiva Falcão vs Julio Cocielo. Vai ser uma luta mais verdadeira do que a do Floyd. O Cocielo é um menino bom, um menino que malha, que treina. Vai ser legal”, finalizou.

Após conquistar a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, Esquiva Falcão migrou para o boxe profissional, onde ostenta um cartel invicto de 28 vitórias, sendo 20 por nocaute. A boa campanha deixou o capixaba a um passo de disputar o título mundial peso-médio pela Federação Internacional de Boxe (IBF). A vaga na grande decisão contra o atual campeão Gennady Gennadyevich Golovkin, conhecido como ‘Triple G’, deve ser confirmada com uma vitória sobre Patrick Wojcicki, em luta especulada para acontecer no segundo semestre deste ano.

Mais em Entrevistas