Siga-nos
exclusivo!
Diego Ribas/PxImages

Entrevistas

Deiveson Figueiredo revela que não fará camp para o UFC Rio na equipe de ‘Do Bronx’

Ao que tudo indica, a parceria entre Deiveson Figueiredo e a equipe ‘Chute Boxe Diego Lima’ corre risco de não ir para frente. Depois de passar uma breve temporada de treinos na academia baseada em São Paulo (SP), o campeão peso-mosca (57 kg) do UFC não deve permanecer no time para o futuro.

Em entrevista exclusiva à reportagem da Ag Fight, Deiveson revelou que o frio da capital paulista atrapalhou na adaptação de sua família e, por isso, decidiu permanecer em Belém (PA), onde fará a preparação para a quarta luta contra Brandon Moreno junto à sua equipe, a ‘Team Figueiredo’. De acordo com o lutador, há ainda a possibilidade de fazer a parte final de seu camp na ‘Chute Boxe Diego Lima’, em São Paulo, mas esse assunto ainda não foi definido.

“Eu queria muito treinar em São Paulo com o Diego (Lima), mas eu conversei com ele e deixei para ver bem próximo à luta. Até porque minha mulher e meus filhos não se adaptaram ao frio de São Paulo. E como todo mundo sabe eu também não aguentava treinar por conta do frio. E decidi fazer meu camp em Belém, junto à minha equipe, aos meus coaches antigos, que me levaram à disputa de cinturão”, explicou Deiveson.

Outra possibilidade especulada como destino da preparação do ‘Deus da Guerra’ foi a volta do lutador ao Arizona, nos Estados Unidos, onde treinou sob as orientações de Henry Cejudo e Eric Albarracin na equipe ‘Fight Ready’, do ex-campeão do UFC. Porém, a distância da família e os gastos excessivos, já que a luta contra Moreno será realizada no Rio de Janeiro (RJ), se tornaram obstáculos para que o paraense optasse por esse caminho.

Atual campeão linear dos moscas, Deiveson Figueiredo coloca seu cinturão linear em jogo contra o mexicano Brandon Moreno, detentor do título interino da categoria, no dia 21 de janeiro, no UFC Rio (UFC 283). Os dois já se enfrentaram em três oportunidades, com uma vitória para cada lutador e um empate. Esta será a primeira vez que dois atletas do Ultimate medem forças dentro do octógono mais famoso do mundo quatro vezes.

Mais em Entrevistas