Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

Entrevistas

Dana White elogia e destaca profissionalismo de Vettori contra ‘Borrachinha’: “O cara é incrível”

Marvin Vettori prometeu para seus fãs e para a ‘Kings MMA’, sua equipe, que teria uma ótima atuação no octógono e cumpriu. No UFC Vegas 41, evento realizado no último sábado (23), o italiano enfrentou Paulo ‘Borrachinha’ pelos meio-pesados (93 kg), venceu a guerra disputada em 25 minutos contra o rival na decisão unânime dos juízes e ainda faturou um dos bônus de ‘performance da noite’. Após o importante triunfo do atleta, Dana White se rendeu ao mesmo.

Na coletiva de imprensa pós-UFC Vegas 41, o líder do UFC parabenizou Vettori pela bela vitória diante de ‘Borrachinha’ e enalteceu o profissionalismo com que abordou o combate. Originalmente, os atletas se encontrariam no peso-médio, mas, durante a semana da luta, o brasileiro comunicou que não conseguiria atingir 84 kg e colocou em dúvida a realização do ‘main event’ do show.

Inicialmente, as equipes dos atletas divergiram, mas toparam o duelo com 88,4 kg, posteriormente com 89,8 kg e, na véspera da pesagem, entraram em acordo para que a disputa fosse realizada nos meio-pesados (93 kg). De acordo com Dana, a intensa batalha protagonizada por ‘Borrachinha’ e Vettori só aconteceu, porque o segundo aceitou encarar o desafeto de qualquer forma.

Vale pontuar que, no MMA atual, parte dos lutadores não faz questão de atuar no octógono com frequência, mas isso não acontece com ‘The Italian Dream’. Pelo contrário, sempre que pode, o pupilo de Rafael Cordeiro expressa o interesse de lutar e se irrita quando seus confrontos são cancelados. Como é um profissional raro nesse aspecto, Dana reconheceu o valor de Vettori e o elogiou por ser um verdadeiro funcionário do UFC.

“Existiram momentos que pensamos que essa luta cairia. Tentamos de tudo para manter a luta de pé, fazer de tudo para ela acontecer e não conseguiríamos sem um cara como Vettori. Ele agiu como um profissional de verdade, durão, um cara que é incrível de trabalhar junto. Foi por isso que essa luta aconteceu. Vettori tem o crédito. Esse cara quer lutar em qualquer categoria. Ele não deixaria essas coisas mexerem com sua cabeça. O cara é incrível”, destacou Dana, antes de completar.

“Ele resistiu a tudo de ‘Borrachinha’ no quinto round. Que queixo! Os dois lançaram golpes poderosos, mas Vettori aguentou tudo. Foi insano! A luta foi incrível. A moral de Vettori sempre está alta. Tenho prazer de ter ele aqui. Ele sempre quer lutar. Ele topou lutar em qualquer peso, até nos pesados. Vettori tinha na cabeça que ‘Borrachinha’ não queria lutar com ele e que faria de tudo para essa luta não acontecer. Por isso que ele queria tanto lutar. Era assim que ele estava. Ele sofreu no quinto round, mas foi superior nos outros quatro”, concluiu.

Mais em Entrevistas