Siga-nos

Entrevistas

Bruna Brasil traça meta após assinar com UFC: “Ser a melhor do mundo”

Na última terça-feira, (13), Bruna Brasil deu um importante passo em sua carreira profissional ao garantir um contrato com o Ultimate. O feito, porém, parece ser apenas o primeiro dos audaciosos objetivos que a atleta paranaense pretende alcançar dentro de sua trajetória no MMA. Em entrevista exclusiva à equipe de reportagem da Ag Fight após sua vitória no oitavo episódio do reality show ‘Contender Series’, a peso-palha (52 kg) traçou uma meta ousada a ser cumprida em seguida: se tornar a melhor lutadora do planeta.

Bruna garantiu oficialmente seu vínculo com o UFC ao apagar Marnic Mann no segundo round com um chute na cabeça. A performance avassaladora da brasileira não somente lhe rendeu um contrato com a maior organização de MMA do mundo, como também impressionou Dana White, cartola da companhia, que chegou a classificar o momento como o maior nocaute feminino da história do ‘Contender Series’.

“A ficha ainda não caiu, para falar a verdade. Estou aqui nas nuvens, vivendo um sonho. Mas sei que tudo isso é merecimento, batalhei muito para estar aqui. Tudo que fiz no octógono eu treinei muito para realizar, então nada foi por acaso. Deus me abençoou porque eu mereci muito isso. Minha cabeça está a mil, é muita emoção. Sonhei com isso, batalhei tanto por esse momento que não dá para acreditar ainda que é real, é bizarro”, admitiu Bruna, antes de falar sobre seus planos futuros.

“Quando eles quiserem, estou pronta (para estrear). Quero lutar, buscar meu maior sonho, o maior objetivo da minha vida, que é ser a maior atleta do mundo, melhor lutadora do mundo. Não vou descansar enquanto não alcançar esse objetivo. Estou pronta. Se quiserem me mandar para Abu Dhabi, Las Vegas, Nova York, Inglaterra, não importa estou aqui”, completou.

Mas para concretizar sua meta, a atleta que carrega o país no sobrenome terá de adentrar na categoria mais competitiva entre as mulheres do UFC. Ciente do desafio que terá pela frente, Bruna destaca que seu estilo imponente dentro do octógono pode ser o diferencial necessário para fazer frente contra as melhores lutadoras do plantel da liga.

“É a categoria mais concorrida, onde tem as melhores atletas do mundo. Treino muito para ser a melhor. Acredito que minha imposição dentro do octógono, meus chutes são impressionantes (…)  Amo chutar, meu hobby é chutar a cabeça da galera (risos). Meu estilo de dominar vai ser muito bom para a categoria, surpreender, trazer algo novo, um ar novo.

Ao longo de sua trajetória como profissional de MMA, Bruna Brasil é dona de um cartel com oito vitórias, duas derrotas e um empate. Recém-contratada pelo UFC, a peso-palha ainda não tem data, nem adversária prevista para seu debute na organização.

Mais em Entrevistas