Siga-nos
Divulgação/UFC

UFC

Sonnen reprova desafio de Prochazka para Glover: “Enfrentar alguém de 42 anos?”

A revelação feita por Jiri Prochazka sobre quem gostaria de enfrentar em sua primeira defesa de cinturão dos meio-pesados (93 kg) do UFC não desagradou apenas Jan Blachowicz. Assim como o polonês, Chael Sonnen, ex-lutador e atual comentarista, reprovou o desafio do campeão da categoria para Glover Teixeira, em vídeo divulgado na última segunda-feira (11).

Sonnen não comprou a explicação do tcheco, que justificou o interesse na revanche com Glover ao citar a insatisfação com a própria performance na primeira batalha que travaram. No UFC 275, Prochazka perdia o combate para o veterano na pontuação dos juízes laterais, mas, faltando segundos para o fim do confronto, surpreendeu ao finalizar o faixa-preta de jiu-jitsu e, assim, se tornou campeão dos meio-pesados.

Antes e depois da luta, ‘Denisa’ tinha manifestado o desejo de ter Blachowicz como oponente na sequência, mas voltou atrás e elegeu Glover como principal alvo. No entanto, de acordo com Sonnen, o duelo do campeão dos meio-pesados com o polonês é o que faz sentido, até porque é um combate inédito e mais competitivo em termos físicos.

“Prochazka querendo lutar com Glover, acho que isso não vai acontecer. Revanches são feitas rapidamente. A hora de Glover brilhar e sua hora de impressionar a todos, incluindo o chefe, estava ali. Essa luz não fica mais brilhante com o passar das semanas, fica mais fraca. Para ele dizer que gostaria de lutar contra Glover, é uma situação difícil. Por que você quer lutar com um homem de 42 anos? Você tem que começar com isso. Por que você, o jovem novo campeão, está desafiando um homem de 42 anos? Por que você está desafiando alguém que você acabou de vencer? Por que você está desafiando alguém que acabou de finalizar? Por que você não está assumindo Blachowicz, que é carne nova e estava chateado?”, questionou o veterano em seu canal oficial no ‘YouTube’.

Jiri Prochazka, de 29 anos, protagonizou uma ascensão meteórica no UFC. O tcheco estreou pela companhia em 2020, disputou três lutas e se tornou campeão dos meio-pesados em 2022. Pela organização, ‘Denisa’ nocauteou Volkan Oezdemir, Dominick Reyes e finalizou Glover Teixeira em sequência. No Rizin FF, o atleta nocauteou Bruno Cappelozza, CB Dollaway, Karl Albrektsson, Muhammed ‘King Mo’ Lawal e Vadim Nemkov.

Mais em UFC