Siga-nos
Amanda Westcott/Triller Fight Club

UFC

Rivais do MMA enaltecem Anderson Silva após nova vitória no boxe

Anderson Silva fez história novamente nas artes marciais. Após encerrar sua trajetória no UFC, ‘Spider’ se aventurou de vez no boxe e já conquistou excelentes resultados. O mais recente aconteceu no último sábado (11), na Flórida (EUA), quando a lenda do MMA nocauteou Tito Ortiz com poucos golpes e em questão de segundos. A atuação do brasileiro foi tão marcante, que impressionou seus rivais de Ultimate.

Em suas redes sociais (veja abaixo ou clique aqui, aqui e aqui), Chris Weidman, Daniel Cormier e Michael Bisping se renderam ao antigo rei do peso-médio (84 kg) do UFC e o enalteceram pela vitória no boxe. A curiosidade é que o trio de veteranos derrotou ‘Spider’ na maior organização de MMA do mundo, mas os resultados não transformaram os envolvidos em inimigos. Pelo contrário, até os aproximou.

Weidman, que se tornou campeão do UFC justamente ao destronar Anderson, se mostrou curioso quanto ao futuro do veterano no boxe. Por sua vez, Cormier, que enfrentou ‘Spider’ nos meio-pesados (93 kg), elevou o nome do brasileiro ao patamar dos melhores boxeadores de todos os tempos. Já Bisping, que superou o ex-rei do peso-médio de forma polêmica, afirmou que o mesmo ainda tem condição de competir no mais alto nível.

“Anderson foi ótimo mais uma vez! Quem é o próximo?”, escreveu um interessado Weidman em sua conta oficial no ‘Twitter’.

“Anderson é o boxeador mais frio de todos os tempos. Esse é O cara!”, reverenciou Cormier ao utilizar a mesma plataforma digital.

“Ainda tem (luta)”, cravou Bisping.

Anderson Silva, de 46 anos, é um dos lutadores mais celebrados dos esportes de combate. Em seu auge no MMA, o brasileiro marcou época no UFC. ‘Spider’ conquistou o título do peso-médio (84 kg) logo após sua estreia na companhia e o defendeu dez vezes. Não à toa, o veterano é considerado por parte da comunidade das artes marciais mistas o maior nome da história da modalidade. Seus principais triunfos foram diante de Chael Sonnen (duas vezes), Dan Henderson, Demian Maia, Forrest Griffin, Rich Franklin (duas vezes) e Vitor Belfort.

Mais em UFC