Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

UFC

Pettis credita redução de consumo de bebidas alcoólicas por volta de boa fase

Depois de passar os últimos cinco anos sem engatar uma sequência de vitórias, Anthony Pettis finalmente quebrou a escrita ao superar Alex Morono no último sábado (19), pelo UFC Las Vegas 17, e somar seu segundo triunfo consecutivo. E, de acordo com o ex-campeão peso-leve (70 kg) do Ultimate, a virada de página tem explicação.

Em entrevista à ‘ESPN’ americana após o evento, Pettis revelou que cortou o consumo de bebidas alcoólicas de sua rotina, mesmo fora de preparação. Na visão do lutador, essa decisão foi fundamental para a mudança vista em seu rendimento dentro do octógono e, consequentemente, na recuperação de sua carreira.

“Quando eu ganhava, eu bebia para celebrar. Se eu perdesse, eu bebia para afogar as mágoas. Minha dieta ficava uma m*** e eu fazia todo tipo de coisa com a minha vida fora (do octógono). Quando eu chegava no camp de preparação, eu era 100% rigoroso, mas o que você faz fora do camp realmente importa na sua preparação”, contou Pettis, antes de continuar.

“Eu estava fazendo, tipo, esses camps de treinamento forçados depois de uma vitória. Eu vinha de estar feliz e fazendo todo tipo de coisa. Eu limpei essa parte da minha vida e estou levando a luta muito mais a sério agora. É bom ver a evolução e vencer duas lutas (seguidas) em muito tempo”, concluiu.

A primeira sequência positiva desde 2014 em sua carreira chega em momento propício para Anthony Pettis. O compromisso de sábado foi o último previsto no contrato do ex-campeão peso-leve com o UFC. Resta saber se a recente recuperação dentro do octógono foi o suficiente para convencer a organização a oferecer uma renovação contratual ao atleta.

Mais em UFC