Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Pantoja minimiza vitória de Moreno sobre Deiveson no UFC: “Não estou impressionado”

Alexandre Pantoja está decidido a não deixar passar a oportunidade de disputar o cinturão do peso-mosca (57 kg) do UFC. Escalado pela companhia para ser o reserva imediato da luta pelo título da categoria entre Brandon Moreno e Deiveson Figueiredo, realizada no último sábado (21), no Brasil, ‘The Cannibal’ viu de perto o segundo triunfo do mexicano sobre o rival e o retorno do mesmo ao topo dela. Mas, de acordo com o atleta, o período de ‘The Assassin’ Baby’ como líder da divisão vai ser curto.

Mesmo sem ser adepto do ‘trash talk’, Pantoja mostrou que pode provocar os rivais e atacou Moreno. O mexicano se tornou campeão linear do peso-mosca, após Deiveson não conseguir permanecer no combate por conta de uma grave lesão, mas ‘The Cannibal’ ressaltou que o nível de atuação de Brandon não lhe impressionou. Pelo contrário, o brasileiro garantiu que, se estivesse no lugar de ‘Daico’ no octógono, ‘The Assassin Baby’ iria sofrer em suas mãos. E a confiança de Alexandre tem motivo, já que possui duas vitórias sobre o desafeto. Em 2016, no TUF 24, Pantoja finalizou Moreno e no UFC, em 2018, venceu via decisão dominante. Com o placar favorável no histórico e embalado por três triunfos seguidos, Alexandre afirmou que chegou a hora de Brandon lidar com seu maior medo no MMA.

“Não estou impressionado. Moreno é bom, mas venci duas vezes e estou pronto para a próxima. Vou lutar com ele, onde quer que queira, no México ou em qualquer lugar. Acho que essa luta faz sentido agora. Eu o venci duas vezes. Na primeira, finalizei. Na segunda, tive dois 30-26. Ele é durão, mas toda vez que olha nos meus olhos, vejo que está com medo. Sei exatamente o que vai acontecer quando lutar com ele novamente. Vou acabar com esse cara. Estou muito pronto para vencer. O campeão desafiou o desafiante número um. Nunca ouvi isso. Esse é o ponto. Sou o próximo e estou pronto para lutar com Moreno. Me sinto mal por Moreno, porque ele não pode correr mais. Sou o próximo e me desculpe Moreno. Vou arrancar sua cabeça”, declarou o lutador, em entrevista à ‘ESPN’ americana.

Alexandre Pantoja, de 32 anos, possui boa reputação no peso-mosca e, não à toa, costuma ser apontado por parte da comunidade do MMA como potencial desafiante ao título da categoria no UFC. ‘The Cannibal’ estreou no MMA em 2007, venceu 25 lutas e perdeu cinco vezes. Atualmente, o brasileiro ocupa o segundo lugar no ranking da divisão e possui triunfos marcantes sobre Alex Perez, Brandon Moreno (duas vezes), Brandon Royval, Manel Kape, Matt Schnell e Wilson Reis.

Mais em UFC