Siga-nos
Natassia del Fischer/PxImages

UFC

McGregor nega problemas de condicionamento físico para revanche com Poirier

No dia 23 de janeiro, Conor McGregor enfrenta Dustin Poirier no ‘main event’ do UFC 257, atração que acontece na ‘Ilha da luta’, em Abu Dhabi (EAU), e um de seus objetivos é solucionar a dúvida quanto ao seu condicionamento físico. O ex-campeão do peso-pena (66 kg) e do peso-leve (70 kg) da organização é um striker conhecido por ser uma ameaça aos adversários nos rounds iniciais, mas, com o passar do tempo, seu ritmo cai no octógono. Isso ocorreu nas derrotas do astro irlandês para Khabib Nurmagomedov e Nate Diaz – porém, o atleta negou qualquer tipo de problema.

Na coletiva de imprensa do UFC 257 realizada nessa quinta-feira (21), McGregor definiu os questionamentos sobre o seu condicionamento como uma espécie de mito no MMA. O ex-campeão do UFC explicou o que aconteceu na primeira luta contra Diaz e tratou o cansaço como algo natural. Para a revanche contra Poirier, o astro irlandês garantiu que está em excelente forma física e indicou torcer por um duelo prolongado, justamente, para silenciar os críticos, mas duvidou que o adversário possa resistir ao seu poder.

“A dúvida sobre meu condicionamento é um mito. Obviamente, na primeira luta com Diaz saí dos penas e lutei nos meio-médios. Isso obviamente teria impacto. Em seguida, tive outros problemas, mas acho que é um mito. Espero poder responder em algum momento. Algum dia, alguém vai conseguir resistir aos meus golpes e espero que seja sábado à noite. Acho isso? Não. Estou muito bem e vou apresentar uma obra-prima. Acabei com Poirier em 90 segundos na primeira vez. Tenho confiança total na minha preparação e nas minhas habilidades. Sei que há dúvidas, que Poirier é mais pesado e mais experiente, mas acredito que posso nocautear. Vou acabar rápido, mas espero uma luta longa e boa”, declarou McGregor que listou possíveis oponentes para o futuro.

“Temos três ou quatro homens aqui e eles são todos oponentes em potencial. Poirier, Hooker, Chandler e também tem Holloway. Estou muito animado para ver o que acontece no ‘co-main event'”, concluiu.

Conor McGregor, de 32 anos, é o principal nome do UFC e possui uma legião de fãs no esporte. O astro irlandês estrou na organização em 2013, se transformou em um fenômeno e conquistou o cinturão do peso-pena e do peso-leve. Suas vitórias mais marcantes foram diante de Chad Mendes, Donald Cerrone, Dustin Poirier, Eddie Alvarez, José Aldo, Max Holloway e Nate Diaz. Atualmente, o atleta ocupa a quarta posição no ranking dos leves.

Mais em UFC