Siga-nos
georges st-pierre
Diego Ribas/PxImages

UFC

Georges St-Pierre elege Royce Gracie como melhor lutador da história do MMA

Se existe um assunto recorrente entre os fãs de MMA é sobre quem merece receber o status de melhor lutador da história do esporte. Ao longo dos anos, muitos atletas foram indicados, mas poucos conseguiram desbancar os tradicionais nomes de Anderson Silva, Fedor Emelianenko, Georges St-Pierre e Jon Jones do topo. No entanto, o próprio ‘GSP’ comentou a respeito da posição de ‘GOAT’ da modalidade e revelou o seu preferido para ocupar o cargo.

Em entrevista ao site do UFC, o ex-campeão dos meio-médios (77 kg) e do peso-médio (84 kg) da organização elegeu Royce Gracie como melhor lutador da história do MMA. Ao mesmo tempo, ‘GSP’ destacou que esse conceito varia muito, listou exemplos como Anderson, Demetrious Johnson, Fedor, Jones, Vitor Belfort e mostrou humildade ao não citar o próprio nome. De acordo com o canadense, por mais que seja difícil escolher um atleta, os feitos do veterano são únicos.

“O que significa ser o melhor de todos os tempos? Se for para comparar cada atleta que competiu em sua época, quem foi o mais dominante, quem teve mais conquistas, para mim é Royce. Se for sobre quem é o mais forte, se colocasse todos em um ringue para definir quem sairia vivo, talvez fosse Fedor no auge. Se for sobre o mais extravagante, quem fez coisas malucas, algo que só acontece em filmes, diria Anderson ou Belfort. Se for sobre o mais completo, diria Demetrious Johnson. Se for sobre quem enfrentou mais adversidades, Jones. Seja lá o que você nomear, é algo subjetivo. Eu realmente acredito que não existe isso, porque se você falar sobre quem é o melhor, acho que o melhor nem nasceu ainda. Royce era o cara número um e conquistou coisas que ainda hoje não foram conquistadas”, declarou GSP que indicou que a próxima geração tem tudo para superar a anterior. Mesmo assim, a lenda do MMA ressaltou que o passado não deve ser esquecido e voltou a enaltecer as conquistas de Royce.

“Se você colocar Royce no cage contra a competição atual para saber como ele se sairia, não teria bons resultados, porque o esporte mudou. Quanto mais avançamos no futuro, melhor será a nova geração. Haverá sempre novidades que vão bater os recordes dos atletas anteriores, mas acho que nunca devemos esquecer quem foi o primeiro a abrir o caminho. Não havia categorias de peso, eles lutavam três vezes por noite e havia cabeçadas e coisas malucas naquela época. É por isso que, para mim, Royce é o número um. Ele é meu lutador favorito e o melhor para mim é ele”, concluiu.

Para boa parte dos fãs, Georges St-Pierre, de 39 anos, é o melhor lutador da história do MMA, já que é dono de uma das carreiras de maior sucesso no esporte. Em sua trajetória, o canadense disputou 28 lutas, venceu 26, perdeu duas e conquistou o cinturão dos meio-médios do UFC e também do peso-médio da organização. A última aparição de ‘GSP’ no octógono aconteceu em 2017, quando finalizou Michael Bisping.

Mais em UFC