Siga-nos
UFC/ Divulgação

UFC

Falou muito! Kevin Holland foca em provocações e é superado por Brunson

A atração principal do card do UFC Vegas 22, evento realizado neste sábado (20), colocou frente a frente dois atletas do top 10 da categoria dos pesos-médios (84 kg). E ao final de cinco rounds, a experiência e foco do veterano Derek Brunson levou a melhor diante do provocador Kevin Holland.

Ao longo de todo o combate, o atleta de 28 anos, atual número dez do ranking da categoria, provocou, riu e deu tapas na tentativa de desestabilizar o adversário. No entanto, foi Brunson, nove anos mais velho, que levou a melhor e acabou com sua sequência de cinco triunfos no evento.

Com sucessivas quedas, o sétimo colocado da categoria abriu vantagem de forma sistemática no decorrer da disputa e convenceu todos os jurados de que merecia vencer. Com o triunfo, seu nome deve subir algumas posições no ranking, o que pode colocá-lo em rota de colisão com o brasileiro Paulo ‘Borrachinha’, que segue sem data para seu retorno ao octógono.

A luta

Logo no começo do assalto, Holland escorregou e caiu por baixo, de onde passou o restante dos primeiros cinco minutos. Mesmo em desvantagem, sendo obrigado a se defender dos ataques do rival, o atleta mostrou seu estilo provocador e não parou de falar. Brunson 10 x 9 Holland.

Na segunda etapa, Brunson optou por trocar alguns golpes em pé com o rival e quase pagou caro por isso. Após dois diretos, ele se desequilibrou e por pouco não caiu em knockdown. Na sequência, porém, duas quedas e uma tentativa de finalização voltaram a colocá-lo em posição de vantagem. Brunson 20 x 18 Holland.

Na terceira etapa, mesmo aparentando cansaço, Brunson ignorou mais uma vez as seguidas provocações do adversário e o derrubou. Por cima, mesmo sem contundência em seus ataques, o veterano garantiu nova vantagem em posicionamento, o que foi suficiente para um novo 10 x 9. Brunson 30 x 27 Holland.

Curiosamente, esta foi a primeira vez que ambos atletas disputaram o quarto assalto em uma luta. Como resultado, o cansaço ficou evidente em ambos lutadores, embora Holland tenha insistido nas provocações para desestabilizar o experiente rival. Sem efeito. Nova queda, novo domínio territorial e outra parcial a favor do sétimo colocado do ranking. Brunson 40 x 36 Holland.

No último assalto, Holland teve seu melhor momento ao derrubar e trabalhar com golpes no ground and pound por alguns minutos. No entanto, a vantagem na parcial não fez diferença na pontuação total do confronto. Brunson 49 x 46 Holland.

Acompanhe os resultados do UFC Vegas 22:

Derek Brunson venceu Kevin Holland por decisão unânime;
Max Griffin nocauteou Song Kenan no 1º round;
Montserrat Ruiz venceu Cheyanne Buys por decisão unânime;
Adrian Yanez nocauteou Gustavo Lopez no 3º round;
Tai Tuivasa nocauteou Harry Hunsucker no 1º round;
Macy Chiasson venceu Marion Reneau por decisão unânime;
Grant Dawson nocauteou Leonardo Santos no 3º round;
Trevin Giles venceu Roman Dolidze por decisão unânime;
Montel Jackson nocauteou Jesse Strader no 1º round;
Bruno ‘Bulldog’ nocauteou JP Buys no 2º round.

Mais em UFC