Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

UFC

Ex-UFC aponta contrato de Nate Diaz como empecilho para luta contra Poirier

Nas últimas semanas, a possibilidade de uma superluta entre Dustin Poirier e Nate Diaz ser casada pelo UFC movimentou a comunidade do MMA. Mas, apesar do aparente interesse mútuo dos lutadores, comprovado pelas trocas de farpas nas redes sociais, o ‘bad boy’ – em recente publicação no ‘Twitter’ – tratou de esfriar os rumores e indicou que o confronto não faz parte dos planos do Ultimate. E, de acordo com um veterano do esporte, o suposto desinteresse da companhia na disputa entre suas estrelas teria ligação com a atual situação contratual do vencedor da 5ª temporada do reality show ‘TUF’.

Em um recente episódio do podcast ‘Weighing In’, Josh Thomson – ex-lutador do UFC – se mostrou pessimista quanto ao casamento do hipotético combate entre Nate e Dustin, e destacou o fato do ‘bad boy’ ter apenas uma luta restante em seu contrato com o Ultimate como principal entrave nas negociações. De acordo com o veterano, a entidade não teria interesse em colocar Diaz para enfrentar outra grande estrela de seu plantel no que pode ser sua despedida da liga.

Vale lembrar que, ainda sem ter chegado a um acordo de renovação contratual com o UFC, Nate Diaz já sinalizou com a possibilidade de testar o mercado após o fim de seu vínculo atual e, admitiu, inclusive, ter interesse em migrar para o boxe profissional, onde as bolsas dos atletas costumam ser maiores do que no MMA.

“O UFC não quer permitir que ele (Nate Diaz) lute contra um grande nome na sua última luta do contrato. Ele quer lutar o mais breve possível. Nós conversamos sobre isso muitas vezes. Ele quer lutar porque quer acabar com o contrato para que ele possa renegociá-lo ou ir embora e lutar boxe, certo? É isso que ele quer fazer. Assim que ele vier a público e contar a eles, até mesmo de forma privada, que ele está pronto para lutar, é por conta deles”, ponderou Josh Thomson.

Dustin Poirier, de 31 anos é ex-campeão interino do peso-leve do UFC. No MMA desde 2009 e no Ultimate dois anos depois, ‘The Diamond’ possui um cartel composto por 28 vitórias, sendo 21 pela via rápida, sete derrotas e um ‘no contest’. Em sua última atuação, o americano foi finalizado por Charles ‘Do Bronx’, em disputa pelo título peso-leve da organização.

Por outro lado, Nate Diaz, vencedor da quinta edição do reality show ‘The Ultimate Fighter’ soma 20 vitórias e 13 derrotas no MMA profissional. Nos últimos anos, o competidor se tornou um dos lutadores de maior apelo comercial do plantel do UFC nos últimos tempos. O estilo ‘bad boy’, agressivo dentro e fora do octógono, em conjunto com algumas batalhas memoráveis contribuíram para seu sucesso com o público.

Mais em UFC