Siga-nos
Diego Ribas/PxImages

UFC

Dana White indica que “enormes obstáculos” impedem superluta entre Adesanya e Jones

Israel Adesanya e Jon Jones são dois dos nomes mais fortes do UFC no octógono e também fora dele. Se dentro do cage a dupla se destaca por seus atributos físicos, técnicos e mentais, nas redes sociais é bastante ativa e costuma provocar seus desafetos. Foi exatamente assim que a rivalidade entre eles se originou, ganhou peso e se tornou uma das maiores da atualidade. No entanto, se os fãs e os próprios atletas tratam a superluta como algo garantido no futuro, Dana White está incerto quanto a sua realização.

Em entrevista à ‘ESPN’ americana, o presidente do UFC frustrou a expectativa da comunidade do esporte ao indicar que há obstáculos que dificultam o aguardado encontro entre os rivais. Dana lembrou que Adesanya e Jones se encontram em categorias diferentes e envolvidos em combates importantes. Vale destacar que o nigeriano, campeão do peso-médio (84 kg), vai enfrentar Jan Blachowicz, número um dos meio-pesados (93 kg), pelo cinturão da divisão, e o americano, antigo rei da classe, vai se aventurar no peso-pesado. Ao projetar o futuro, o líder da organização também questionou a vontade de ‘Bones’ retornar para a antiga casa que dominou por tanto tempo.

“Com Jones subindo para os pesados, eu não sei. Então, há toda a conversa entre ele e Adesanya. Não quero ficar muito animado. Adesanya ainda tem que lutar com Blachowicz e Jones está nos pesados. Há muitos obstáculos enormes que esses caras precisam superar, então não fique animado pensando em Jones vs Adesanya. Jones lutou nos meio-pesados por toda carreira e Adesanya está subindo para lutar com Blachowicz pelo título, mas Jones quer voltar aos meio-pesados? Isso simplesmente explode a coisa toda”, declarou Dana.

Ao que parece, a rivalidade entre Israel Adesanya e Jon Jones tem tudo para superar a existente entre o primeiro e Paulo ‘Borrachinha’ e o segundo e Daniel Cormier. Nas redes sociais e em entrevistas, a dupla protagonizou ataques pesados que dividiram a opinião e a torcida dos fãs. Atualmente, o nigeriano mira a oportunidade de ser campeão duplo do UFC, enquanto que o americano tem como alvo o vencedor da revanche entre Francis Ngannou e Stipe Miocic.

Mais em UFC