Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

UFC

Dana sinaliza que vencedor de Diaz vs Edwards lutará pelo título após Covington

Ao que parece, o cenário dos meio-médios (77 kg) está claro para Dana White. Recentemete, o presidente do Ultimate indicou que Colby Covington será o próximo desafiante ao título de Kamaru Usman e foi além. Também de acordo com o cartola, o vencedor da luta entre Leon Edwards e Nate Diaz, válida pelo UFC 263, evento que acontece neste sábado (12), no Arizona (EUA), é de extrema importância para a categoria

Em entrevista ao ‘Submission Radio’, Dana justificou a posição de Covington como desafiante número um dos meio-médios ao enaltecer a primeira luta entre ele e o campeão Usman, realizada em 2019, mas, ao mesmo tempo, se antecipou e revelou que quem triunfar no embate entre Diaz e Edwards será o próximo na fila. Com a revelação, Gilbert ‘Durinho’ e Stephen Thompson, números dois e quatro da categoria, respectivamente, e que se enfrentam no dia 10 de julho, em Las Vegas (EUA), foram passados para trás.

“Covington é o candidato número um. Fizemos a luta com Masvidal porque Usman queria a revanche. A luta entre Covington e Usman é uma das melhores lutas que já vi na minha vida. Ele é o candidato número um. Essa é a luta a fazer. Quem ganhar (a luta entre Diaz e Edwards), é o próximo depois de Covington”, declarou o cartola.

Atualmente, Leon Edwards possui oito vitórias seguidas e um ‘no-contest’ no UFC, mas, constantemente, é ignorado por parte dos fãs como ameaça ao reinado do campeão Kamaru Usman nos meio-médios. Como o inglês ficou sem atuar por um longo período e recusava lutas com frequência, tais fatores impediram seu desenvolvimento na divisão. Agora, ‘Rocky’ busca ser ativo no octógono para recuperar o tempo perdido.

Por outro lado, Nate Diaz não atua desde novembro de 2019, quando enfrentou Jorge Masvidal pelo cinturão ‘BMF’ (lutador mais “durão”). Naquela ocasião, o irmão mais novo de Nick acabou derrotado por nocaute e, desde então, ficou afastado das competições.

Mais em UFC