Siga-nos
Natassia del Fischer/PxImages

UFC

Chandler elogia Khabib, mas promete quebrar invencibilidade do russo em retorno ao UFC

Michael Chandler confirmou o ‘hype’ em torno de seu nome no UFC 257. Se antes de estrear pela organização o ícone do Bellator era apontado como uma ameaça ao reinado de Khabib Nurmagomedov, após nocautear Dan Hooker na atração realizada no último sábado (23), em Abu Dhabi (EAU), o americano se consolidou na elite do peso-leve (70 kg). Empolgado pelo impacto de sua primeira aparição na companhia, ‘Iron’ mirou o rei da divisão.

Na coletiva de imprensa pós-UFC 257, Chandler não escondeu o interesse em realizar uma superluta com Khabib e admitiu que torce pelo retorno do astro ao esporte. O americano elogiou o ainda campeão do peso-leve da organização de Dana White, mas, ao mesmo tempo, prometeu tirar a invencibilidade do mesmo. ‘Iron’ concordou que o russo não precisa enfrentar atletas que já derrotou de forma categórica e sinalizou que seu nocaute aplicado em Hooker serviu como uma espécie de mensagem ao alvo.

“Eu adoraria que Khabib voltasse. Entendo, não ganhei o direito dele achar que estamos no mesmo nível com esse desempenho, mas prometo a você, posso vencer aquele homem. Se Khabib entra no octógono comigo, ele se torna 29 e Chandler e não 30-0. Khabib, você é o maior de todos os tempos. Você está invicto e parecia imbatível. Você está certo, nenhum desses caras pode se comparar a você. O que você vai fazer, voltar e enfrentar um deles? Não vai acontecer, você não precisa fazer isso. Você é um campeão. Não sou perfeito dentro do octógono, mas prometo que posso vencer este homem. Não disse isso a ele pessoalmente, mas disse através das câmeras. Se você voltar, há um homem aqui esperando”, declarou Chandler.

Michael Chandler, de 34 anos, enfim, estreou pelo UFC e confirmou a expectativa dos fãs de MMA. O ícone do Bellator nocauteou Dan Hooker no primeiro round e desafiou Conor McGregor, Dustin Poirier e Khabib Nurmagomedov ainda no octógono. Além de Hooker, os triunfos mais importantes do americano no esporte foram diante de Ben Henderson (duas vezes), Eddie Alvarez e Patricky ‘Pitbull’ (duas vezes).

Mais em UFC