Siga-nos
Natassia del Frate/PxImages

UFC

Campeão dos penas minimiza chance de Ortega no UFC 260: “Choque de realidade”

Alexander Volkanovski é um atleta que não se abala com opinião de parte dos fãs. Ao mesmo tempo que é desacreditado por uma parcela do público, o australiano esbanja competência no octógono e permanece como campeão do peso-pena (66 kg). Agora, ‘The Great’ vai colocar o cinturão da categoria em jogo contra Brian Ortega, no UFC 260, atração que acontece no dia 27 de março, em Las Vegas (EUA), e está confiante na defesa do título pela segunda vez.

Em entrevista à ‘Submission Radio’, Volkanovski cravou que está em um nível acima dos demais integrantes do peso-pena e prometeu mostrar tal diferença. O campeão da categoria reconheceu que Ortega é um adversário perigoso, porém garantiu que o americano não vai conseguir repetir sua última atuação.

Em outubro, ‘T-City’, que estava afastado desde 2018, dominou o ‘Zumbi Coreano’, até mesmo na trocação, e a performance foi apontada por parte da imprensa especializada como uma das melhores da temporada 2020. No entanto, Volkanovski permaneceu seguro de suas habilidades.

“Se você espera que Ortega faça o que fez contra o ‘Zumbi’, você terá um choque de realidade. Qualquer pessoa que conheça o jogo sabe que não é assim que a luta vai acontecer. Isso não significa que ele não seja perigoso, mas não acredito que será capaz de fazer o que quiser comigo no octógono. Posso garantir isso. Ele é duro, resistente, mas ninguém consegue acompanhar o nível que estou agora. Acho que vou quebrá-lo nos rounds iniciais para conseguir o nocaute ou a finalização”, declarou o campeão.

Se Brian Ortega chocou o mundo ao controlar o ‘Zumbi Coreano no UFC, Alexander Volkanovski também impressionou ao se tornar campeão do peso-pena do UFC. Em 2019, o australiano destronou Max Holloway e, em julho de 2020, defendeu o cinturão do da categoria na revanche, após perder os dois primeiros rounds. Apesar do reinado de ‘The Great’ ser recente, o lutador possui o havaiano, José Aldo entre outros atletas em seu cartel e é um dos nomes que disputa o status de melhor pena da história do MMA.

Mais em UFC