Siga-nos
Natassia Del Fischer/PxImages

UFC

Adesanya exalta oportunidade de se tornar bicampeão do UFC e cutuca Jon Jones

No último sábado (31), durante a coletiva de imprensa após o UFC Las Vegas 12, Dana White – presidente do Ultimate – confirmou que o próximo compromisso do campeão peso-médio (84 kg) Israel Adesanya será diante do polonês Jan Blachowicz, válido pelo cinturão meio-pesado (93 kg) da liga. Como se não bastasse a motivação natural com a possibilidade de conquistar um segundo título em uma categoria diferente, o nigeriano parece enxergar nesta disputa a oportunidade de mandar uma indireta para Jon Jones, seu desafeto declarado.

Em entrevista ao ‘Submission Radio’, Adesanya destacou que, caso consiga superar Blachowicz e levar o cinturão dos meio-pesados para casa, alcançaria um feito não conquistado por ‘Bones’, mesmo tendo dominado a divisão até 93 kg por quase uma década: ser campeão de duas categorias simultaneamente. Durante anos o americano indicou um possível interesse por subir para os pesos-pesados, o que nunca chegou a ser concretizado.

Apenas depois de abdicar do cinturão até 93 kg, no último mês de agosto, Jon Jones anunciou sua intenção de se testar na categoria mais pesada do Ultimate. E, caso ‘Bones’ realmente faça a transição para os pesados e consiga ser coroado campeão da divisão, Adesanya já tem o plano traçado para garantir que o confronto entre eles aconteça: seguir o desafeto e tentar a conquista do terceiro título em diferentes classes de peso do UFC.

“É um grande ‘vai se f***’ para ele, só para ficar tipo, eu fiz algo que você não foi capaz. Quer dizer, ele limpou a divisão dos meio-pesados duas vezes e depois começou a lutar com pesos-médios reciclados. Então, não venha me falar sobre ‘subir de peso e lutar’ quando você não foi capaz de fazer o mesmo depois de mais de dez anos na companhia. Eu estou prestes a fazer isso. É uma boa luta para eu fazer isso”, cutucou ‘Izzy’, antes de completar.

“Eu percebo que estou prestes a fazer algo em literalmente três anos que Jones não fez em quantos anos na companhia? Mais de dez anos. Eu estou a ponto de fazer isso em três anos e subir de peso. Ele está fazendo isso agora depois de quanto tempo? E nós ainda estamos esperando para ver se ele vai realmente fazer isso. E tipo, é loucura como tudo está preparado, cara. Quando eu pegar esse cinturão do Jan (Blachowicz), se por qualquer razão Jones realmente subir e lutar no peso-pesado, tipo, imagine se ele pegar o cinturão (peso-pesado) de alguma forma, por alguma aberração da natureza, e eu disser: ‘F***-se, eu vou para os pesos-pesados’. Três cinturões ao mesmo tempo”, finalizou o nigeriano.

Invicto no MMA após 20 combates disputados, Israel Adesanya conquistou o cinturão peso-médio do UFC em outubro de 2019, ao nocautear o então campeão Robert Whittaker. Desde então, o nigeriano defendeu seu título em duas oportunidades, diante de Yoel Romero e, mais recentemente, do brasileiro Paulo ‘Borrachinha’, em setembro deste ano, na ‘Ilha da Luta’, em Abu Dhabi (EAU).

Por sua vez, Jon Jones abdicou do cinturão dos meio-pesados em agosto deste ano, após dominar a divisão por quase uma década. Apesar de ter anunciado sua intenção de subir para os pesos-pesados, o americano ainda não possui um compromisso marcado na nova categoria.

Mais em UFC