Siga-nos
Diego Ribas/ PXImages

Notícias

Thompson desafia Masvidal e mira cinturão dos meio-médios: “Mais legal vs mais durão”

Depois de ficar afastado por pouco mais de um ano, Stephen Thompson voltou não só a atuar, como a mirar o topo do peso-meio-médio (77 kg). No UFC Las Vegas 17, evento realizado no último sábado (19), o ex-desafiante ao cinturão da categoria venceu os cinco rounds que disputou com Geoff Neal e, mesmo aos 37 anos, mostrou que ainda está vivo na divisão. Tanto é que ‘Wonderboy’, como o atleta é conhecido, mirou em Jorge Masvidal, dono da quarta posição no ranking.

Logo após a conclusão da luta principal do show, em entrevista ao próprio UFC, Thompson prometeu conquistar o cinturão dos meio-médios na próxima temporada, desafiou o lutador que derrotou em 2017 e, como não poderia ser diferente, uma vez que é um dos atletas mais educados do MMA, fez isso de forma amigável. Inclusive, o veterano usou o status que possui, justamente, para promover o novo encontro, já que Masvidal conquistou o cinturão ‘BMF’ (lutador mais durão) ao nocautear Nate Diaz.

“Estou de volta! Ainda estou aqui! Esse cinturão em 2021 será meu. Eu estava cutucando um cara acima de mim (Leon Edwards) há pouco tempo no Twitter, mas ele não aceitou. São duas vitórias seguidas e estou trabalhando para subir no ranking. Quero ver o lutador mais legal contra o mais durão. Vamos fazer isso acontecer! Stephen ‘Wonderboy’ Thompson vs Jorge Masvidal 2. Sei que ele está falando sobre lutar contra Colby Covington, mas veremos”, declarou Thompson.

E não parou por aí. Na coletiva de imprensa realizada após a atração, Thompson elogiou o alvo. Além de lembrar que Masvidal já manifestou o interesse em uma revanche, ‘Wonderboy’ confessou que o lutador é uma inspiração para ele, pois transformou a carreira, quando poucos estavam ao seu lado.

“Bem, eu sei que Masvidal estava interessado. Se tivesse vencido (Kamaru) Usman, ele disse que gostaria de defender o título comigo. Sei que ele quer essa luta de volta. É uma loucura, porque ele me inspira a seguir em frente. Não faz muito tempo que o venci no UFC 217 e agora ele é um dos caras mais populares do UFC e está acima de mim no ranking. Fizemos uma boa luta então por que não fazer de novo?”, concluiu.

Após perder duas lutas seguidas, Stephen Thompson, de 37 anos, se recuperou e vive bom momento no UFC. Agora, o veterano venceu dois combates consecutivos diante de atletas do top-15 do peso-meio-médio (Vicente Luque e Geoff Neal) e se encontra na quinta posição no ranking da categoria. Vale lembrar que ‘Wonderboy’ lutou duas vezes pelo cinturão da divisão contra Tyron Woodley e foi derrotado na segunda vez, após o empate.

Mais em Notícias