Siga-nos

Notícias

Para voltar a sonhar com ‘title shot’, Ferguson cita McGregor e Poirier como rivais ideais

Tony Ferguson é ex-campeão interino peso-leve do Ultimate – Diego Ribas

Por conta da pandemia do novo coronavírus, Tony Ferguson viu sua oportunidade de disputar o cinturão peso-leve (70 kg) contra Khabib Nurmagomedov ir embora e, com ela, também sua invencibilidade, que durava 12 combates, já que acabou derrotado na sequência por Justin Gaethje, substituto do campeão na luta principal do UFC 249. Depois do momento desfavorável, o americano já analisa seus próximos passos para se reaproximar de uma oportunidade pelo título da divisão.

Em entrevista à ‘ESPN’ americana, ‘El Cucuy’, como é conhecido, apontou Conor McGregor e Dustin Poirier como os adversários ideais para seu próximo compromisso. Ferguson ainda sugeriu que, com um triunfo sobre um dos dois nomes citados, poderia voltar a pleitear novamente uma disputa pelo título da categoria, de preferência contra Khabib Nurmagomedov, que colocará o cinturão linear dos leves em jogo contra Justin Gaethje, no dia 24 de outubro.

“Os dois (McGregor e Poirier) são lutadores decentes. Ambos são bons. Nós somos todos da elite e do top 5 por uma razão. Na questão de lutas, se Conor quiser lutar, eu estou dentro. Adoraria lutar contra um canhoto. Eu me sairia muito bem. Eu derrubei o queixo de Aaron Riley naquela por acidente, então, quando se trata de lutar em pé, você tem que lembrar quando eu lutei com Edson Barboza. É muito diferente. Essa mistura e combinação, se acontecer novamente, é legal. Já estou acostumado com isso”, ponderou Tony Ferguson, antes de completar.

“Não importa. Oponentes mudam, COVID, qualquer coisa que quiser aparecer, nós estamos acostumados com isso agora. Você quer me dar Conor, me dê Conor. Quer me dar Poirier, nós vamos fazer isso acontecer e depois vamos lutar com o vencedor da luta entre Gaethje e Khabib. Eu adoraria competir contra Khabib, Poirier, McGregor. Esses são os três. Por que? Por causa do talento, é por isso. Não é por conta de outras coisas. É por causa do talento e do respeito atlético que eu tenho por seu talento que eles têm nesse esporte”, concluiu o peso-leve.

Inicialmente escalado para enfrentar Khabib Nurmagomedov no UFC 249, Tony Ferguson viu seu adversário ser trocado por Justin Gaethje, após o campeão ter dificuldades de sair da Rússia por conta da pandemia. Com o cinturão interino dos leves em jogo, ‘El Cucuy’ acabou superado pelo compatriota por nocaute técnico no quinto round e viu o rival ‘roubar’ a chance de disputar o título linear contra Khabib.

Mais em Notícias