Siga-nos

Notícias

Marlon Moraes afirma que suspensão de dois anos sofrida por Dillashaw “não é suficiente”

No início de abril, T.J. Dillashaw chocou os fãs de MMA ao abrir mão de seu cinturão peso-galo (61 kg) do UFC. Dias depois, a USADA (agência americana antidoping) confirmou que o americano testou positivo para o uso de eritropoetina (EPO), e, por isso, foi suspenso por dois anos do esporte.

No entanto, apesar do período em questão se tratar da punição máxima para um atleta primário – não reincidente -, Marlon Moraes afirma que o gancho aplicado ao lutador não foi o suficiente. Durante entrevista ao site ‘MMA News’, o atleta justificou sua opinião ao ressaltar a magnitude do erro de Dillashaw. Ainda de acordo com o brasileiro, o ex-campeão tentou iludir seus fãs ao abrir mão do cinturão. Marlon e T.J. estavam cotados para se enfrentarem pelo título da divisão até 61 kg – que atualmente está vago.

“Ele vai até a mídia e tenta dizer que abre mão do cinturão. Para mim ele estava apenas enganando os fãs, mas no final das contas, o que aconteceu? Eles suspenderam ele, não sou ninguém para julgá-lo, mas agora ele vai pagar pelo que fez. Dois anos não é o bastante. Não é o suficiente pelo que ele fez, foi algo muito sério, é a minha opinião”, opinou Moraes, antes de questionar a legitimidade do legado do americano.

“Estamos todos desapontados. Era um conto de fadas. Agora não sabemos se ele realmente é aquele ótimo lutador. É difícil porque toda vez que fazemos um camp, queremos entrar em forma, nos condicionar bem, e esse cara não estava nem um pouco preocupado com isso. Se ele estava trapaceando agora, também estava antes”, completou o atleta de Nova Friburgo.

A suspensão de T.J. é retroativa à época em que o lutador foi flagrado – janeiro deste ano, quando enfrentou Henry Cejudo. Portanto, o americano só estará apto para retornar aos octógonos no início de 2021. Marlon, por sua vez, lutará pelo título vago dos pesos-galos justamente contra ‘The Messenger’, no dia 8 de junho, no UFC 238, em Chicago (EUA).

Mais em Notícias