Siga-nos
Leandro Bernardes / PxImages

Notícias

Jon Jones desdenha de luta contra Adesanya e reitera foco no título dos pesados

As trocas de farpas entre Jon Jones e Israel Adesanya geraram enorme expectativa sobre um possível duelo entre as duas estrelas do UFC. No entanto, apesar de diversos sinais apontarem para um futuro encontro entre eles, ‘Bones’ não parece ter a superluta contra o nigeriano como uma de suas prioridades na carreira.

Em uma série de mensagens publicadas em sua conta oficial no ‘Twitter’ (veja abaixo ou clique aqui, aqui e aqui), Jones minimizou a importância de uma superluta contra Adesanya e, por não enxergar nela uma possibilidade de ampliar o seu legado, afirmou ter pouco interesse na sua realização. O americano, que recentemente abdicou de seu cinturão meio-pesado (93 kg) do UFC para migrar para os pesos-pesados em busca de novos desafios, reiterou que seu principal objetivo é conquistar o título da divisão mais pesada da companhia.

“Sim, do jeito que ele imaginou, a arena que ele queria e tudo. Não existe um homem nesse planeta que me diz o que fazer. Eu marcho ao ritmo do meu próprio tambor. Não tem noite da calcinha vermelha (noite de festa) para Izzy sem mim, talvez eu o mantenha sem grana”, respondeu ‘Bones’ ao questionamento de um fã sobre o suposto combate contra o desafeto.


“Fora um salário gigantesco, ele não faz nada por mim. Anderson (Silva) era o cara a bater naquela divisão de peso, não ele (Adesanya). O próximo grande movimento de legado para mim é Stipe (Miocic) e eu quero essa batalha”, escreveu o ex-campeão meio-pesado, em mais uma resposta a um seguidor.


“Você está brincando, certo? Eu estou ganhando milhões desde o início dos meus 20 (anos), eu não preciso de uma superluta com ninguém. Lutar com caras como Jan (Blachowicz) e Izzy (Adesanya) não acrescenta em nada no meu legado. Ganhar o cinturão peso-pesado é a única coisa que pode me colocar mais alto do que eu já estou”, sentenciou Jones.

Mais em Notícias