Siga-nos

Notícias

Dana revela arrependimento por Adesanya vs Romero: “Deveria ter esperado o Borrachinha”

Adesanya se manteve campeão do UFC após vitória sobre Romero – Louis Grasse/PXimages

A coletiva de imprensa após o término do card do UFC 248 contou com curiosas declarações. Mas talvez uma delas chame mais a atenção dos fãs, acostumados com a sinceridade e o jeito djurão de Dana White. Sem problemas em conversar com a mídia sobre o desapontamento com o duelo principal entre Israel Adesanya e Yoel Romero, o cortola demonstrou arrependimento em ter feito o duelo entre os pesos-médios (84 kg) acontecer.

Em relato franco, Dana revelou que parte de sua equipe, incluindo os matchmakers (responsáveis pelo casamento de confrontos) não aprovaram que essa luta fosse escalada para a atração principal da noite. E foi aí que o espírito de chefe falou mais alto, uma vez que ele bancou a ideia e não esperou pela recuperação do brasileiro Paulo ‘Borrahinha’, desafiante natural do cinturão da categoria.

“Os matchmakers não adoraram essa luta e não queriam fazer ela acontecer. Mas meu lado pateta de fã pensou: ‘Você está maluco? Vamos lá, vai ser uma luta divertida. E tem o fato do Adesanya querer lutar com um cara que ninguém quer lutar'”. Provavelmente eu deveria ter esperado pelo Paulo Costa (Borrachinha)”, revelou durante conversa com a imprensa.

De fato, Borrachinha não luta desde agosto de 2019, quando superou Romero por pontos e se credenciou para disputar o cinturão do UFC. No entanto, duas cirurgias no bíceps esquerdo o impediram de competir e abriram caminho para que o wrestler cubano furasse a fila da divisão.

 

Mais em Notícias