Siga-nos

Notícias

Dana promete acabar com divisão dos penas no UFC caso Amanda se aposente

Dana White segue com seus planos de realizar eventos durante a pandemia – Diego Ribas

A relação entre Dana White e Amanda Nunes parece melhor do que nunca. Durante conversa com jornalistas nesta sexta-feira (19) após a pesagem oficial do UFC Las Vegas, o presidente do evento não cansou de elogiar a atleta e seus feitos no octógono, que culminaram com a conquista de dois cinturões de forma simultânea. No entanto, a possibilidade de aposentadoria ventilada pela atleta parece mexer diretamente com os planos da organização.

Sem questionar o desejo da ‘Leoa’ de focar sua atenção em sua família após o nascimento da primeira filha, Dana foi categórico em dizer que caso ela pare de competir, de fato, a divisão dos pesos-penas (66 kg) deixará de existir. Sem Amanda, a categoria, ao menos nas palavras do cartola, não teria sentido em continuar existindo.

“Definitivamente não. Eu literalmente estava falando sobre construir a divisão para ela. Se ela aposentar, não tem porque. (…) A divisão dos galos continua, claro. Olha, a Amanda pode fazer o que ela quiser, ela é a rainha. Se ela quiser aposentar, ela pode, ela fez dinheiro o bastante”, narrou Dana, antes de deixar no ar que pretende conversar com a atleta para ter certeza de seus próximos planos.

“Vamos ver o que acontecer. Eu iria dar tempo para ela, o bebê está vindo. Tem muita coisa legal acontecendo com ela. Quando você faz muito dinheiro, começa a aproveitar seu tempo… Tudo muda. Mas, claro, eu vou falar com ela”, relatou o cartola.

Campeã simultânea e com defesas alternadas tanto na divisão dos pesos-galos (61 kg) como entre os pesos-penas (66 kg),  a brasileira é apontada como a melhor lutadora de todos os tempos do MMA. Entre suas vítimas estão nomes como Ronda Rousey, Cris ‘Cyborg’, Miesha Tate, Holly Holm, Germaine de Randaime e Valentina Shevchenko (todas elas já foram campeãs do evento).

Após sua última vitória, sobre Felicia Spencer, Amanda revelou em entrevista ao ‘Esporte Espetacular’ que pensa em pendurar as luvas para cuidar do nascimento de sua primeira filha com a também lutadora do UFC Nina Ansaroff, que está grávida.

Mais em Notícias