Siga-nos
Divulgação

Notícias

Cláudio ‘Hannibal’ doa quimonos para projetos sociais: “Vai transformar a vida dessas crianças”

Apesar de muitos fãs imaginarem o glamour na carreira de lutadores bem-sucedidos, não sabem que boa parte deles teve uma caminhada sofrida até alcançarem o sucesso. Cláudio Henrique da Silva integra essa lista. O brasileiro nunca escondeu o passado de envolvimento no crime, creditou as artes marciais como principal fator para transformar sua vida e, como conseguiu dar a volta por cima, revelou que um de seus objetivos é fazer o mesmo com a de muitas crianças.

Em comunicado enviado a imprensa, ‘Hannibal’, como é conhecido, ressaltou a importância do jiu-jitsu e seus ensinamentos para a formação do caráter dos jovens praticantes. O atleta, que é faixa-preta da modalidade, aproveitou sua passagem pelo Brasil para doar quimonos para projetos sociais.

“Como o jiu-jitsu mudou a minha história e abriu as portas do mundo para mim, tenho certeza de que transformará a vida dessas crianças. Mais do que campeões, essas crianças serão melhores cidadãos. É uma maneira da galera sair da rua, evitar o crime, conhecer novas culturas e novas pessoas. É isso que o esporte agrega na vida. Com certeza muda o modo de ver as coisas, não só na luta, mas em qualquer negócio”, destacou.

Até o momento, 40 quimonos foram doados e a ideia é aumentar esse número. Além de projetos da ZR Team, no Recife, outro que será beneficiado é o São Gonçalo, localizado no Rio de Janeiro.

Em sua última aparição, Cláudio ‘Hannibal’, de 38 anos, conheceu a sua primeira derrota no UFC. Em outubro, foi superado por James Krause e encerrou assim a sequência de cinco vitórias, que tinha nomes importantes como o de Leon Edwards, top-5 do peso-meio-médio (77 kg).

Mais em Notícias