Siga-nos
Louis Grasse/PxImages

Notícias

Charles ‘Do Bronx’ concorre ao prêmio de melhor lutador do ano no ‘Oscar do MMA’

A excelente fase de Charles Oliveira no esporte foi coroada com o título do peso-leve (70 kg) do UFC, porém o campeão da categoria encontrou outro motivo para comemorar. Nesta quarta-feira (28), o site ‘Fighters Only’ divulgou os indicados do tradicional ‘Oscar do MMA’ e ‘Do Bronx’ é um deles. O brasileiro vai concorrer ao prêmio de ‘lutador do ano’ e também ao de ‘virada do ano’. O local e a data da cerimônia serão anunciados em breve.

A concorrência de Charles na disputa pelo prêmio de ‘lutador do ano’ é acirrada. O brasileiro terá que desbancar Brandon Moreno, Jan Blachowicz, Kamaru Usman, campeões do peso-mosca (57 kg), meio-pesado (93 kg) e meio-médio (77 kg), respectivamente, e também Yaroslav Amosov, número um dos meio-médios do Bellator.

Na disputa pelo prêmio de ‘virada do ano’, ‘Do Bronx’ foi indicado por conta do momento de sufoco e glória que vivenciou contra Michael Chandler, na edição de número 262, que aconteceu em maio, em Houston (EUA). Além do paulista, Rose Namajunas e Sean Strickland concorrem por conta da retomada na carreira e Paul Daley e Thanh Le pelos nocautes inesperados diante de Sabah Homasi e Martin Nguyen, respectivamente.

Além de Charles ‘Do Bronx’, outros atletas brasileiros ou ligados ao país também marcam presença no ‘Oscar do MMA’. Mackenzie Derm vai concorrer ao prêmio de ‘lutadora do ano’ com Kayla Harrison, Manon Fiorot, Rose Namajunas e Valentina Shevchenko.

A categoria ‘luta do ano’ também promete ser bastante disputada. Nela, os destaques são a primeira luta entre Deiveson Figueiredo e Brandon Moreno e as batalhas vencidas por Edson Barboza e Santiago Ponzinibbio diante de Shane Burgos e Miguel Baeza, respectivamente. Os duelos Jiri Prochazka vs Dominick Reyes e Paul Daley vs Sabah Homasi, válido pelo Bellator, completam a lista.

Além de concorrer ao prêmio de ‘luta do ano’, Edson Barboza também está na briga para levar a melhor na disputa pelo ‘nocaute do ano’, com o golpe que fez Shane Burgos desabar segundos depois. Além do brasileiro, Cory Sandhagen, Joaquin Buckley, Kamaru Usman e Mamed Khalidov marcam presença por conta da plasticidade de seus ataques em Frankie Edgar, Impa Kasanganay, Jorge Masvidal e Scott Askham, respectivamente.

Por último, mas não menos importante se encontra Adriano Moraes na categoria ‘surpresa do ano’. O brasileiro, campeão do peso-mosca do ONE Championship, concorre ao prêmio pelo nocaute aplicado no favorito Demetrious Johnson. A oposição de ‘Mikinho’ fica por conta de Anthony Hernandez, Clay Collard, Ok Rae Yoon e Shana Dobson, que frustraram os favoritos Rodolfo Vieira, Anthony Pettis, Eddie Alvarez e Mariya Agapova, respectivamente.

Mais em Notícias