Siga-nos

Notícias

Calvillo supera Jessica Eye e estreia com o pé direito no peso-mosca

Cynthia Calvillo venceu Jessica Eye na luta principal do UFC Las Vegas – Diego Ribas

O UFC Las Vegas, realizado neste sábado (13), trouxe na luta principal o duelo entre Jessica Eye, primeira colocada no ranking peso-mosca (57 kg), e Cynthia Calvillo, que fazia sua primeira luta nesta divisão pela liga. E após 25 minutos de combate, a americana de origem mexicana levou a melhor na decisão unânime dos juízes.

Com o triunfo, Calvillo – que estava na décima colocação no ranking peso-palha (52 kg) – já inicia sua trajetória na nova categoria com moral, concorrendo a uma posição no topo da lista. O resultado positivo e os problemas para bater o peso na divisão mais leve do Ultimate, onde falhou na balança em três ocasiões, devem fazer do peso-mosca a nova casa da lutadora, que já pode ter um novo desafio pela frente em breve.

Em sua conta oficial no ‘Twitter’, Katlyn Chookagian – número dois no ranking peso-mosca e ex-desafiante ao cinturão da categoria – pediu para enfrentar a novata. Ao tomar conhecimento do desafio na entrevista pós-luta, Calvillo deixou as portas abertas para o confronto e afirmou que pretende se manter o mais ativa possível na nova divisão.

Assim como a rival deste sábado, Jessica Eye pode ver em uma subida de categoria a solução para os seus recentes problemas com a balança. A americana excedeu o limite estabelecido pelo peso-mosca em suas duas últimas pelejas, fazendo dela uma candidata a mudar de divisão no futuro. Além disso, o revés para Calvillo atrapalha seus planos de conseguir uma nova chance de disputar o cinturão até 57 kg contra a campeã Valentina Shevchenko.

A luta:

Com vantagem na envergadura, Jessica Eye iniciou o combate tentando controlar a distância. Enquanto isso, Calvillo buscava bater e sair, apostando em sua maior velocidade e movimentação. Com bons momentos para ambas as atletas, o primeiro assalto foi marcado pelo equilíbrio.

O segundo round começou com Calvillo sendo um pouco mais agressiva, andando mais para frente. Apesar de ter levado mais golpes com essa estratégia, a americana de origem latina conseguiu encurtar a distância e aplicar uma queda. Na luta agarrada, sua especialidade, a atleta da ‘Team Alpha Male’ teve boa movimentação e chegou às costas da oponente, garantindo a vantagem no assalto.

A terceira etapa teve o ritmo mais fraco, com Jessica mais cautelosa na trocação e Calvillo com menos ímpeto. Mas restando pouco mais de um minuto para o fim do assalto, Cynthia conseguiu derrubar e chegar às costas da oponente novamente.

Com Eye já aparentando cansaço, talvez provocado pelo desgastante corte de peso, Calvillo conseguiu levar a luta para o solo logo no início do quarto período. Superior no grappling, a atleta da ‘Team Alpha Male’ pontuou bastante até a adversária conseguir se levantar na raça. Mais veloz, Cynthia pôde se virar bem na luta em pé até o fim do round.

Confiante, Cynthia iniciou o derradeiro assalto andando para frente e aplicando os melhores golpes na trocação. Frustrada até mesmo na sua especialidade, Jessica Eye não conseguia levar perigo para a adversária, que passou até mesmo a abaixar a guarda. Para garantir de vez a vitória, Calvillo levou a luta para o solo com facilidade pouco antes do soar do gongo final.

Italiano se vinga de desafeto com vitória por finalização

No aguardado duelo entre os desafetos Marvin Vettori e Karl Roberson, melhor para o italiano, que conseguiu se vingar da falta de profissionalismo do americano. Agendada inicialmente para acontecer em Jacksonville (EUA), no dia 13 de maio, a luta entre os pesos-médios (84 kg) acabou cancelada em virtude da impossibilidade de Roberson se apresentar pelo desgaste no corte de peso, mesmo tendo excedido o limite da categoria, fato que quase provocou uma briga generalizada no hotel dos lutadores. Com a peleja remarcada para o co-main event do UFC Las Vegas, o americano voltou a falhar na balança, aumentando o clima de animosidade entre os dois.

Após um início de estudo na trocação, Vettori apostou na luta agarrada e mostrou boa movimentação no jogo de chão, trabalhando bem no ground and pound. Ao perceber uma brecha dada pelo adversário, o italiano encaixou um apertado mata-leão e obrigou Roberson a desistir do combate. Esta foi a terceira vitória seguida da jovem promessa europeia no octógono mais famoso do planeta. Já o americano viu sua sequência positiva, que contava com dois triunfos, ser interrompida.

Confira os resultados do UFC Las Vegas:

Cynthia Calvillo venceu Jessica Eye por decisão unânime dos juízes;
Marvin Vettori venceu Karl Roberson por finalização;
Charles Rosa venceu Kevin Aguilar por decisão dividida dos juízes;
Andre Fili venceu Charles Jourdain por decisão dividida dos juízes;
Jordan Espinosa venceu Mark De La Rosa por decisão unânime dos juízes;
Mariya Agapova venceu Hannah Cifers por finalização;
Merab Dvalishvili venceu Gustavo Lopez por decisão unânime dos juízes;
Julia Avila venceu Gina Mazany por nocaute técnico;
Tyson Nam venceu Zarrukh Adashev por nocaute;
Christian Aguilera venceu Anthony Ivy por nocaute técnico.

Mais em Notícias